O FC Porto está nesse momento em negociações avançadas para a contratação de Sérgio Conceição. Segundo informa o “Diário de Notícias”, o técnico português é a escolha do presidente Pinto da Costa e o clube está agora negociando a rescisão de contrato para soltar Sérgio Conceição, investimento esse que pode ultrapassar um milhão de reais. Na verdade, a não ser o investimento inicial, nada impede o FC Porto de garantir os serviços de Sérgio Conceição, que estava tendo uma boa fase com o Vitória de Guimarães.

Depois de José Mourinho, Nuno Espírito Santo, André Villas-Boas e Marco Silva, tudo indica que o FC Porto vai anunciar um técnico português, mas que já está trabalhando na Liga Portuguesa.

Publicidade
Publicidade

O alvo da direção portista, especialmente do Presidente Pinto da Costa, é Sérgio Conceição, um nome que tinha sido pouco falado para suceder a Lopetegui, pelo menos até agora.

Como declara o jornal português “Diário de Notícias”, a SAD portista já está em negociações avançadas com a direção do Guimarães para que o negócio seja concluído o mais rapidamente possível. A imprensa internacional garante que a direção do FC Porto não quer que essa semana passe sem que o novo técnico esteja decidido e oficializado, por isso o anúncio de que o Sérgio Conceição é o novo técnico portista pode estar por horas, ou no máximo até amanhã.

Nas redes sociais, a contratação do técnico de elite está causando reações muito diversas. Enquanto alguns portistas consideram que Sérgio Conceição é uma boa escolha para comandar um time que se encontra um pouco desacreditado, outros consideram que, por exemplo, continuar com o atual técnico Rui Barros até ao final da temporada seria uma decisão mais acertada, para que depois em junho o FC Porto consiga contratar, a custo zero, André Villas-Boas, que está de saída do Zenit no final da presente temporada.

Publicidade

Conseguirá Sérgio Conceição responder à altura à exigente torcida portista, que quer o título de campeão nacional ainda essa temporada apesar de o clube estar atrás quatro pontos do rival Sporting? #Negócios #Europa #Futebol Internacional