Cristiano Ronaldo perdeu novamente a cabeça e agrediu um colega de profissão durante o jogo de hoje, dia 17, contra o Gijon, na qual o Real Madrid goleou e venceu facilmente. Como divulgou o site “Notícias ao Minuto”, foi aos 51 minutos da partida, momento em que o português já tinha dois gols apontados e seu time estava vencendo por 5 a zero, que a agressão ocorreu. Sem bola, Ronaldo pontapeou o seu adversário violentamente, deixando uma grande marca na coxa do jogador do Gijon.

Quando parecia que o jogo de hoje seria mais uma partida perfeita para o Real Madrid, sem grandes complicações, fazendo com que Zidane tivesse mais uma tarde descansada, um momento de impulsividade de #Cristiano Ronaldo pode fazer com que o jogador fique de fora durante os próximos jogos por comportamento violento dentro dos gramados.

Publicidade
Publicidade

A imprensa espanhola afirma que essa agressão bárbara já é a quarta feita por Cristiano Ronaldo e que dessa vez é previsível que a Liga Espanhola castigue o atacante do Real Madrid exemplarmente, castigando a recorrência da violência e das agressões realizadas por Ronaldo a colegas de profissão. O lance até passou despercebido para os juízes da partida que, mesmo o jogador do Gijon mostrando a marca não acreditaram que Ronaldo tivesse feito uma agressão ao jogador, fazendo com que a agressão não fosse punida disciplinarmente no mesmo momento.

Contudo, e com a ajuda das câmeras de televisão, como garante o site “Notícias ao Minuto”, é visível o momento onde Ronaldo perde completamente a cabeça e agride seu adversário. Em uma altura em que o Real Madrid está enfrentando uma mudança de técnico recente e foi proibido pela FIFA de contratar jogadores durante um ano, a possível e provável suspensão grave que Cristiano Ronaldo vai sofrer, como consequência dessa agressão, pode fazer com que o time fique sem seu melhor jogador durante os próximos jogos, que prometem ser decisivos para a decisão do Campeonato espanhol.

Publicidade

Confira o momento da agressão que está dando muito que falar:

#Futebol Internacional