Representando o jogador do Barcelona, o empresário de Neymar tirou todas as dúvidas acerca da possível ida do brasileiro para o rival #Real Madrid. Tal como garante o site “Maisfutebol”, em entrevista à imprensa espanhola, o pai e empresário do craque do Barcelona garantiu que nenhum dos dois têm interesse em colocar Neymar no Real Madrid, ao contrário dos rumores que garantiam que o rival tinha 190 milhões de euros preparados para conseguir garantir a contratação do brilhante jogador, reforçando seu time e ao mesmo tempo fragilizando o rival Barcelona.

“Neymar tem contrato com o Barcelona para os próximos três anos e meio, ele apenas quer paz.

Publicidade
Publicidade

Não temos interesse em ir para o Real Madrid”, confessou o empresário do jogador à imprensa espanhola, ao mesmo tempo desmentindo os rumores que avançavam que o jogador estava pressionando o Barcelona para renovar o seu contrato, ameaçando o clube com a sua ida para o eterno rival.

Porém, naquela que é uma decisão histórica, pois poucos jogadores se deram ao luxo de recusar um contrato de cerca de 18 milhões de euros anuais para ir jogar para o lendário Real Madrid, Neymar parece querer se tornar o jogador mais importante do Barcelona, dificultando muito a sua tarefa por estar exatamente no mesmo clube que o atual melhor jogador do mundo, que apesar de ter quase 30 anos, demonstra estar em um dos seus melhores momentos de forma da sua carreira.

Contudo, tal como garantiu Luis Suárez, atacante do Barcelona, que também é considerado um dos melhores da atualidade, Neymar tem tudo para ultrapassar Messi nos próximos anos.

Publicidade

Caso fosse para o Real Madrid, tal como informa a imprensa internacional, Neymar não iria contar com a presença de Cristiano Ronaldo, pois seria a venda do jogador português que permitiria oferecer os 10 milhões de euros pedidos pelo Barcelona para libertar um dos seus melhores craques. Em Madri, Neymar seria a estrela absoluta do time, bem diferente do seu papel atual no Barcelona, estando constantemente na sombra de jogadores como Lionel Messi e Suárez. #Negócios #FC Barcelona