O meio campo do #Palmeiras Gabriel foi contratado há mais de 1 ano, nesse período, o jogador já está há mais de cinco meses parado sem jogar devido a um traumatismo no joelho esquerdo. Gabriel, porém, tem boas expectativas de retomar os #Jogos pelo Palmeiras na temporada de 2016, começando pela Libertadores, com jogo previsto para meados de fevereiro.

Em uma entrevista  para o site UOL Esporte, o jogador alegou que a disputa por um lugar no time está grande, principalmente após as aquisições de jogadores para os torneios desse ano. Gabriel, que tem 23 anos de idade, está muito confiante na sua recuperação física e no seu posto de volante do verdão.

Publicidade
Publicidade

Em 2015, Gabriel foi contratado pela equipe e logo se tornou jogador efetivo da equipe, sendo uma carta na manga do técnico. 

Com 12 meses de contrato com o Palmeiras, Gabriel. que atuava no Botafogo, conta que seu salário nunca atrasou no verdão e que a equipe está muito bem financeiramente. O fato de ser bem pago é muito importante para a motivação do atleta.

Questionado pelo UOL sobre as novas contratações do Palmeiras para o meio de campo, tendo o clube agora seis atletas para serem escolhidos, Gabriel diz que encara as contratações de forma natural, para ele a equipe está se fortalecendo para os campeonatos. A equipe também demitiu alguns atletas, então o que está acontecendo é uma reposição do quadro de jogadores.

Em relação a uma possível perda de seu posto, Gabriel foi enfático ao dizer que consegue suas conquistas com muito esforço.

Publicidade

Quando entrou no verdão ele era praticamente um anônimo e acabou fazendo seu nome dentro da equipe em 2015. Ele confia que será mantido titular no meio de campo e que se for preciso ele volta a lutar para conseguir seu espaço. 

Em analogia aos traumatismo que teve, o jogador revela que já está há quase seis meses se recuperando, os especialistas disseram que esse período é mais que suficiente para a cura da lesão. Ele está alegre com a notícia dos médicos. Sua meta é ter alta em ótimo estado para poder atuar bem dentro de campo. 

Gabriel acredita que na próxima semana já começa os treinamentos com a bola individualmente, ainda falta algum tempo para treinar com a equipe. Ele não irá disputar o campeonato no Uruguai. Ele pretende voltar a jogar na estréia da equipe na Libertadores em fevereiro. #Futebol