Se Taarabt cumprir seu contrato assinado pelo Benfica até ao fim, vai receber mais de 11,58 milhões de euros só em salários. Tal como garante o site “Notícias ao Minuto”, o jogador do Benfica ganha cerca de 2,316 milhões de euros brutos por ano, um valor que coloca Taarabt como um dos jogadores com salários mais elevados em Portugal. Os portugueses estão chocados nas redes sociais, pois o marroquino sempre foi considerado acima do peso ideal para jogar futebol profissional.

A informação do ordenado do jogador foi fornecida pelo site “Football Leaks”, que se tornou famoso por revelar os “podres” dos clubes portugueses e internacionais, publicando documentos que seriam supostamente confidenciais.

Publicidade
Publicidade

Se até agora o Sporting era o time mais prejudicado pelos administradores do site, o “Football Leaks” decidiu agora divulgar um enorme podre benfiquista.

Já se sabia que Taarabt seria um dos jogadores mais bem pagos do Benfica, porém, só agora, foi possível perceber a dimensão do erro cometido pelo clube português, que paga uma verdadeira fortuna por um jogador que não joga na equipe principal e que muitos adeptos questionam se ele tem as condições necessárias para ser um jogador profissional de futebol devido estar constantemente com o peso acima do ideal para um atleta de alta competição.

Agora, os benfiquistas querem consequências e que os culpados pela contratação trágica do marroquino sejam responsabilizados, visto que esse contrato é já considerado por muitos um dos mais desastrosos da história do Benfica, um time que costuma ter muito cuidado com a condição física dos seus jogadores.

Publicidade

Dado o elevado salário, uma das prioridades do clube benfiquista será vender o mais rapidamente possível o jogador marroquino para aliviar a folha salarial, que começa apertada, sobretudo porque jogadores como Gaitán continuam no plantel. Mas estará algum clube internacional disposto a oferecer um ordenado dessas dimensões a um jogador que é constantemente considerado pelos especialistas “gordo”? #Negócios #Futebol Internacional