No último sábado (30) teve início o Campeonato Baiano de #Futebol de 2016. Na atual temporada o Bahia tentará a conquista do tricampeonato, já que foi o campeão de 2014 e 2015, já o Vitória buscará retomar a hegemonia, pois seu último título estadual foi em 2013. Agora é acompanhar todo o discorrer da competição para saber quem levará a melhor, se a dupla BaxVi ou algum clube do interior.

No Barradão, em Salvador, o Vitória venceu a Jacuipense por 3x0, com gols de Arthur Maia, Tiago Real e Alípio. Esse resultado na estreia da competição amenizou um pouco o pessimismo que a torcida rubro-negra estava sentindo em relação ao plantel formado para as disputas do primeiro semestre.

Publicidade
Publicidade

A grande coincidência é que justamente os atletas que estrearam no clube é que marcaram os gols do triunfo, com destaque para Tiago Real e Alípio, que nunca haviam vestido a camisa do “leão da barra”, enquanto o Arthur, que foi formado nas categorias de base da equipe baiana, está de volta após passagens por Joinville, América RN, Flamengo e Kawasaki Frontale, do Japão, respectivamente.

Mas não foram só eles que estrearam na partida, pois Maicon Silva, Willian Farias e Marinho fizeram parte da formação titular do time comandado por Vagner Mancini, e embora ainda seja cedo afirmar, deixaram boa impressão para os torcedores, diretoria e comissão técnica.

Apesar de ser apenas início de temporada, ambas as equipes procuraram desenvolver jogadas em velocidade, procurando bastante o gol adversário, porém o clube do interior achou mais dificuldade de penetrar na zaga adversária, principalmente quando o time de Mancini fazia a linha de impedimento.

Publicidade

Com o placar final de 3x0, o Vitória começou bem o campeonato, já se posicionando como líder do grupo 1. Já o time de Riachão do Jacuípe inicia como lanterna do grupo 2.

A próxima batalha do rubro-negro será contra o Vitória da Conquista, com mando de campo do clube do interior, já a Jacuipense receberá a visita do Galícia. Agora resta esperar para acompanhar todas as emoções que estão reservadas para o baianão 2016.