A primeira partida de um dos maiores confrontos dessa fase da Champions League já começou, fora de campo. Isso porque os técnicos Arsène Wenger, do Arsenal, revelou que, apesar do clube catalão estar chegando perto da perfeição e ser o favorito, ele tem uma ‘surpresinha’ para o jogo. Já do lado do técnico do time espanhol, Luis Enrique, a situação esta tranquila e ele disse em entrevista que aceita o favoritismo, pois o trio MSN vem a todo vapor.

Messi, Suárez e #Neymar é um dos trios mais bem sucedidos da história do futebol espanhol como também europeu. Eles já conseguiram bater muitos recordes e vêm em muito boa forma para o confronto das oitavas de finais contra os Gunners.

Publicidade
Publicidade

No entanto, o técnico do Arsenal disse que não esta motivado somente por causa do Barcelona ou do trio MSN. Segundo ele, o que o impressiona, na verdade, tem mais a ver com a grandeza e tamanho do torneio europeu.

Luis Enrique, porém, disse que entra para ganhar, como sempre, apesar de estar atendo de que deve tomar alguns cuidados em sua defesa. “[...] temos o objetivo de revalidar o título, e isso traz um grau extra de motivação [...]”, disse em entrevista. O comandante do Barcelona espera que esse seja um grande jogo para as duas equipes e, também, afirmou que o primeiro objetivo é conseguir manter a bola no campo de defesa do adversário o máximo que puder.

Já do lado do técnico do Arsenal, a preocupação não é parar o trio MSN, apesar de que o Barcelona seja hoje uma das melhores equipes que o torneio já viu, o comandante confessou que sua preocupação é conseguir manter a sua defesa da mesma forma que já vem atuando, bastante segura e com um excelente goleiro: “[...] temos um bom balanço defensivo e também temos um bom goleiro [...]”, disse o comandante dos Gunners que ainda garantiu uma vontade dobrada, como surpresa para o confronto.

Publicidade

Nesse duelo, o Arsenal não conta com a presença de Cazorla, Wilshere, Rosick e Arteta. Já Giroud, Özil e Campbell se encontram pendurados.

Do lado do Barcelona, a coisa anda mais tranquila com relação a desfalques. Apenas o brasileiro Rafinha, que está em uma longa recuperação e Arda Turan desfalcam o clube catalão. #Futebol Internacional #FC Barcelona