Habituado a conviver com problemas políticos nos últimos tempos, o São Paulo teve mais um capítulo conturbado após a surpreendente derrota por 1x0 para o The Strongest, na última quarta-feira, no Pacaembu, pela primeira rodada da fase de grupos da Libertadores.

Irritado com a derrota, Rodrigo Gaspar, assessor da presidência do clube, disparou inúmeras críticas a diversos jogadores, em especial ao atual capitão do time, o meia Michel Bastos. Gaspar usou o seu perfil pessoal no Twitter para criticar Bastos, Milton Cruz e outros atletas.

"Erva daninha deve ser cortada pela raiz. O Michel Bastos e o Milton Cruz fazem mal ao ambiente do clube (...) Centurión horrível, Rodrigo Caio jogador de condomínio (...) Hudson é o único com espírito de Libertadores, mas saiu", escreveu o assessor, antes de apagar as quatro mensagens no Twitter.

Publicidade
Publicidade

Procurado para prestar mais esclarecimentos, o São Paulo disse que o perfil de Rodrigo Gaspar é pessoal e não traduz as diretriz do clube. O assessor está no clube desde que Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, assumiu a presidência em outubro do ano passado, em substituição a Carlos Miguel Aidar.

Em meio a um princípio de #Crise, o São Paulo não pode mais tropeçar se quiser seguir adiante na Libertadores. O próximo desafio não será nada fácil. Pela frente, o time terá o River Plate de D'Alessandro fora de casa, no próximo dia 10 de março. #Futebol #Copa Libertadores 2016