O início de temporada do uruguaio Pablo Cuevas segue espetacular. Depois de brilhar na terra batida do Rio Open na última semana, o atual número 27 do ranking de entradas ratificou o favoritismo diante do espanhol Pablo Carreno Busta, por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/4) e 6/3, em 1h25 de jogo, conquistando neste domingo o bicampeonato do Brasil Open.

A competição foi disputada sobre o piso de saibro, no Esporte Clube Pinheiros, e distribuiu US$ 436.220 em premiações totais. Cuevas ergueu o quinto troféu da carreira em seis finais disputadas, além do título em duplas de Roland Garros, em 2008.

Como já havia descartado os pontos dos dois últimos torneios, o experiente tenista de 30 anos somará mais 250 no ranking e desta forma aparecerá como o 25º do mundo, na lista a ser divulgada nesta segunda-feira, além de amealhar US$ 77.600 em prêmios.

Publicidade
Publicidade

Caso continue com este desempenho, Cuevas tem tudo para entrar no top 20 pela primeira vez na carreira - sua melhor marca data do dia 23 de março de 2015, quando alcançou o 21º posto. Já Pablo Carreno Busta, 67º, que disputou sua primeira final de nível ATP, ganhou 150 pontos e pouco mais de US$ 40 mil. 

"Durante o torneio, não joguei tão bem quanto no Rio", analisou o uruguaio. "Eu estava cometendo mais erros não-forçados e sendo menos agressivo, mas me mantive focado e calmo, o que foi a chave para vencer nesta semana. Eu comecei atrás no tiebreak e me recuperei. No segundo set, foram muitas trocas de bola e senti que ele (Carreno Busta) estava ficando cansado, o que fez a diferença", concluiu. O espanhol também amargou o vice-campeonato nas duplas. Ele o compatriota David Marrero levaram a virada do chileno Julio Peralta e do argentino Horácio Zeballos, que anotaram 2 sets a 1, com 4/6, 6/1 e 10-5. 

Thiem brilha em Acapulco

O austríaco Dominic Thiem demonstrou mais uma vez seu potencial e conquistou na superfície sintética de Acapulco seu primeiro torneio ATP 500 e nestas condições, fora da terra batida.

Publicidade

No sábado (27), o jovem tenista de 22 anos levou a melhor sobre o o australiano Bernard Tomic por 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (8-6), 4/6 e 6/3, depois de 1h56 de confronto.

Com o resultado, Thiem surgirá como 14º do ranking de entradas, bem próximo do top 10. "Estas últimas três semanas têm sido inacreditáveis", vibrou o austríaco. "Ganhar meu primeiro título de ATP 500 e na quadra dura foi perfeito", prosseguiu. Em 2016, ele já foi campeão em Buenos Aires e semifinalista no Rio de Janeiro. O prêmio em Acapulco engordou sua conta bancária em US$ 321.625. #Entretenimento #Rio2016 #Tênis