Bruno de Carvalho garantiu que os tribunais vão fazer com que o Benfica pague ao Sporting muito dinheiro por Carrillo. Como publicou o site “Notícias ao Minuto”, o presidente leonino, em uma extensa mensagem nas suas redes sociais, garantiu que o clube rival vai ter que pagar muitas comissões e dinheiro ao empresário do jogador peruano, incluindo muito dinheiro ao Sporting pela contratação. Apesar de Carrillo ter o seu contrato prestas a terminar, Bruno de Carvalho tem a certeza que o Sporting não vai ficar a zero depois de toda essa novela.

Quando tudo parecia estar resolvido com o anúncio oficial da assinatura de Carrillo com o Benfica em um contrato que liga o jogador aos encarnados para os próximos cinco anos, Bruno de Carvalho garantiu publicamente que o assunto não vai ficar resolvido tão facilmente e que o Sporting vai fazer de tudo para receber dinheiro do rival.

Publicidade
Publicidade

“Quantos milhões de euros custou Carrillo ao seu futuro clube e quantos vai ter de pagar ao seu clube atual? Ao futuro são muitos! Ao atual, os tribunais vão decidir”, ameaçou Bruno de Carvalho na sua página oficial do Facebook claramente irritado com as notícias da imprensa internacional, tal como garante o site “Notícias ao Minuto”. Com a ameaça de mais um processo contra o Benfica, Bruno de Carvalho tem dificultado cada vez mais as boas relações que os dois clubes tinham até ao inicio do seu mantado presidencial.

Na verdade, a imprensa avançou que entre comissões, prêmios de assinatura e pagamento ao empresário do jogador, o “custo zero” do Benfica acabou ultrapassando a barreira dos 8 milhões de euros, um valor que para o clube não é muito alto por se tratar de um dos maiores talentos do futebol português e de Carrillo ainda ter apenas 24 anos de idade.

Publicidade

Contudo, o Presidente do Sporting assegurou que esses cerca de 8 milhões de euros podem muito bem não ficar por aí, sendo que a sua estratégia agora é de avançar com novo processo judicial contra o eterno rival Benfica. Conseguirá dessa vez convencer os tribunais, depois do Sporting ter perdido a sua ação judicial contra o fundo da Doyen? #Negócios #Europa #Futebol Internacional