José Mourinho vai mesmo ser o próximo técnico do Manchester United, terminando assim uma das maiores novelas dos últimos meses do futebol mundial. Em declarações à imprensa italiana, depois de ter almoçado com José Mourinho em Milão, Bedy Moratti, irmã do ex-presidente do Inter, confidenciou aos jornalistas qual é o destino do português. Questionado sobre como tinha sido o almoço com Mourinho, Bedy Moratti respondeu: “está feliz, vai para o Manchester”.

Depois de muitos rumores e capas de jornais, José Mourinho vai mesmo para o Manchester United e, segundo a imprensa internacional, até já assinou o contrato com o clube inglês para as próximas três temporada, recebendo um salário próximo dos 20 milhões por ano, o que fazem com que o português seja o segundo técnico a nível mundial mais bem pago do mundo, ficando apenas atrás do novo técnico do Manchester City, o eterno rival Pep Guardiola.

Publicidade
Publicidade

Foi na visita a Itália, para assistir a um encontro do seu antigo time, o Inter de Milão, que todas as dúvidas foram finalmente tiradas, porém não pelo português mas sim pela inesperada irmã do ex-presidente do Inter, Bedy Moratti, que conversou com Mourinho durante um longo almoço entre amigos, onde o técnico pode recordar os tempos gloriosos que teve em Milão, onde conquistou a Liga dos Campeões. Após ter garantido que não tinha ido a Itália para assinar pelo Inter, Bedy Moratti confirmou o que todo o mundo já suspeitava, sendo que o mais provável é que Mourinho apenas seja apresentado no final da presente temporada, ou seja, só no próximo mês de julho.

Segundo garante a imprensa internacional, Mourinho tem visto presencialmente muitos encontros de grandes times europeus com o objetivo de observar uma série de potenciais reforços para o seu novo clube, visto que o United não tem demonstrado ter um time capaz de lutar pelas conquistas internas, quanto mais possíveis títulos europeus.

Publicidade

Assim, Mourinho continua trabalhando pelo United fazendo muitas observações um pouco por toda a Europa, enquanto Van Gaal tenta terminar a temporada desastrosa de uma forma digna. #Negócios #Futebol Internacional