A bola rolou para a fase de grupos da Libertadores de 2016 nessa semana. Os cinco brasileiros presentes no torneio, #Corinthians, Atlético-MG, Grêmio, São Paulo e Palmeiras, deram a largada na mais importante competição de clubes do continente. Coincidência ou não, os que se deram melhor foram justamente o campeão brasileiro e o vice de 2015, Corinthians e Atlético-MG, respectivamente.

São Paulo

Das cinco equipes, apenas o São Paulo jogou em casa - e foi quem mais decepcionou. Embora não tenha atuado no Morumbi, sua habitual casa, o tricolor paulista jogou ao lado do seu torcedor no Pacaembu na quarta-feira (17). Pela frente, o The Strongest da Bolívia, que surpreendeu com uma forte marcação.

Publicidade
Publicidade

Em uma jogada ensaiada após um escanteio, Alonso concluiu para o gol e garantiu o importante resultado para os bolivianos, por 1x0.

Na próxima rodada pelo torneio sul-americano, o São Paulo terá uma árdua tarefa pela frente. Jogará no Monumental de Nuñez, contra o River Plate, atual campeão. Para não começar a comprometer a classificação, a equipe de Edgardo Bauza precisará pontuar na Argentina e se manter vivo no Grupo 1. O confronto está marcado para o dia 10 de março.

Palmeiras

Primeiro dos brasileiros a fazer a estreia, já que jogou na terça-feira, o Palmeiras teve todas as chances do mundo para sair com uma vitória do Uruguai, mas acabou garantindo apenas um ponto no empate em 2x2 contra o River Plate local. Jean e Gabriel Jesus fizeram os gols do Verdão, que voltou a apresentar problemas defensivos - sobretudo na bola aérea.

Publicidade

O Palmeiras volta a campo pela Libertadores no dia 3, em casa, contra o Rosário Central.

Corinthians

Jogou para o gasto e o que valeu mesmo foi a vitória. Assim pode ser resumida a passagem do Corinthians pelo Deserto do Atacama, no Chile, na última quarta-feira, quando a equipe visitou o Cobresal. Em um jogo amarrado e de muita marcação, a bola só foi tocar às redes já aos 45 minutos do segundo tempo. O corintiano Lucca cruzou para a área e um defensor jogou contra a própria meta. Na próxima rodada, dia 2, o Corinthians recebe o Santa Fe, da Colômbia, e brigará para manter a liderança do Grupo 8.

Atlético-MG

Com bom futebol e boas atuações individuais, casos de Patric e Rafael Carioca (autores dos gols), o Galo iniciou com o pé direito a sua caminhada na Libertadores de 2016. Na quarta-feira, o time de Diego Aguirre venceu de virada o Melgar, do Peru, por 2x1. Depois de um susto inicial, Rafael Carioca acertou um golaço de fora da área e na sequência Patric virou o jogo. O Atlético faz a sua segunda partida pelo Grupo 5 no próximo dia 24, contra o Independiente del Valle.

Publicidade

Grêmio

Último brasileiro a entrar em campo, já na madrugada de quarta-feira, o Grêmio decepcionou e foi presa fácil para o Toluca, do México, na abertura do Grupo 6. Jogando fora de casa, a equipe Roger Machado até ficou como um homem a mais a partir da metade do primeiro tempo, mas nem isso ajudou: com autoridade, o Toluca aplicou 2x0. Na próxima rodada, dia 2, o Grêmio recebe a LDU, de Quito. #Atlético Mineiro #Copa Libertadores 2016