Dezesseis minutos do 2º tempo e um pênalti é marcado para o Salgueiro. O time sertanejo, 2º colocado no Campeonato Pernambucano 2016, tem a chance de empatar o jogo e buscar a liderança do Estadual. Porém, o goleiro Júlio César defende e mantém a vitória do Náutico na partida, consolidando a liderança isolada do Timbu na competição.

O Náutico permanece líder isolado do Pernambucano 2016 após uma sequência de três vitórias em três partidas – as anteriores foram contra o Santa Cruz e Central, ambas pelo placar de 2 x 0. O jogo desta quarta-feira de cinzas (10/02), realizado na Arena Pernambuco, foi bastante equilibrado. O Timbu teve maior domínio da partida no 1º tempo, enquanto que o Salgueiro equilibrou as ações na 2ª etapa.

Publicidade
Publicidade

O gol do Náutico saiu aos 33 minutos do 1º tempo. Em escanteio cobrado por Bérgson, o atacante Daniel Morais cabeceou por cima do goleiro Mondragon para estufar a rede. Em seguida, Morais teve nova chance em contra-ataque que partiu antes do meio de campo. Porém, o jogador, sem fôlego por conta da arrancada, perdeu a chance de ampliar o placar. Ainda sobre o lance, Morais reclamou de pênalti no intervalo do jogo, alegando que o zagueiro do time sertanejo o derrubou.

Para o segundo tempo, o técnico Sérgio China ajustou o Salgueiro. O Carcará pressionou o Timbú e, após várias tentativas, acabou encontrando um pênalti, em lance que envolveu o zagueiro Ronaldo Alves e o atacante Piauí, derrubado na área. A marcação da penalidade pelo árbitro Sebastião Rufino Filho trouxe ansiedade na Arena Pernambuco.

Publicidade

Melhor para o goleiro Júlio César, que foi ao canto do gol e defendeu a cobrança, espalmando para escanteio. Jogadores alvirrubros e torcida comemoraram como se fosse um gol, tamanha a importância da defesa para a partida.

O lance reacendeu o Náutico, que reagiu e acabou criando novas oportunidades de gol com os atacantes Rony, Rafael Ratão e o lateral-esquerdo Gastón Filgueira, mas sem sucesso. Perto do fim da partida, o Timbu administrou o resultado. O apito final foi bastante comemorado pela torcida. Com nove pontos e cinco de vantagem para o Salgueiro (2º colocado), o time de Rosa e Silva ainda não sofreu nenhum gol no Campeonato Pernambucano 2016.

Resultados que empolgam a torcida e representam um desafio para o técnico Gilmar Dal Pozzo: manter os pés no chão do elenco e corrigir as falhas do time. Conforme as rodadas passam, o Náutico se torna, cada vez mais, um time a ser batido pelos adversários.

Próxima rodada

No dia 22/02, o Náutico enfrenta o América (3º colocado) no Estádio Ademir Cunha, em Paulista.

Publicidade

Na sequência da classificação do Campeonato, aparecem o Sport, com 3 pontos e na 4ª colocação. Em seguida, vem o Santa Cruz (1 ponto ganho, 5º lugar) e Central, que ainda não pontuou no Hexagonal. A atual fase tem jogos de ida e volta. Os quatro melhores times avançam para as semifinais e os vencedores definem o título.

Estaduais pelo Brasil

Na capital paulista, no último sábado, o São Paulo goleou o Água Santa por 4 x 0, com dois gols na estreia do argentino Calleri. Em Salvador, outro tricolor também começou bem o campeonato. O Bahia venceu a Juazeirense por 3 x 2. #Futebol #Resenha Esportiva