Atual vice-campeão, o #Palmeiras iniciou com o pé direito a sua caminhada no Campeonato Paulista 2016. Com gols de Alecsandro e Dudu, o Verdão arrancou com um triunfo fora de casa diante do Botafogo, em Ribeirão Preto, no estádio Santra Cruz. Mas, por pouco, o próprio técnico alviverde Marcelo Oliveira não "atrapalhou" a boa vitória da equipe. Sincero, ele admitiu na coletiva de imprensa que tiraria Alecsandro quando o jogo ainda estava 0x0 no segundo tempo.

Antes dos 15 minutos da etapa complementar, Oliveira já havia sinalizado que promoveria a entrada de Cristaldo, um dos talismãs do grupo palmeirense. O escolhido para sair, segundo o comandante, seria Alecsandro.

Publicidade
Publicidade

Minutos depois, o contestado centroavante fez um belo gol de cabeça após uma assistência do lateral-direito Lucas, e abriu o caminho para o resultado positivo dos visitantes.

"Eu admito aqui que iria sim colocar o Cristaldo e já tinha chamado ele naquele momento. Mas o Alecsandro estava combatendo, estava batalhando e sentindo dificuldades com a forte marcação e também na bola aérea. Gostei da atuação dele e tenho convicção que ele ainda vai nos ajudar bastante", salientou o treinador palmeirense em sua entrevista coletiva depois da partida.

Com moral após o gol marcado, Alecsandro, o "Alecgol", ficou em campo e ainda viu de perto o velocista Dudu dar números finais à partida. Aos 42 minutos do segundo tempo, o meia Robinho deu um lindo lançamento e o atacante fuzilou o goleiro Neneca, do Botafogo, fechando o placar em 2x0.

Publicidade

Ainda que seja a primeira rodada do estadual, o Palmeiras já larga na frente. É o líder do Grupo B com 3 pts e saldo dois. Na quinta-feira, a equipe pega o São Bento, no Pacaembu.

Já no dia 16 de fevereiro o Palmeiras inicia a sua caminhada na Libertadores da América. Fora de casa, o Porco enfrentará o vencedor do duelo entre Universidad do Chile e River Plate, do Uruguai, que disputam a fase de pré-Libertadores. Duas equipes ainda completam o Grupo 2 do torneio continental: Rosário Central, da Argentina, e Nacional, do Uruguai. #Futebol #Jogos