Uma das maiores novelas do futebol português dos últimos tempos parece já ter terminado com a chegada de Carrillo ao Benfica, porém as acusações entre várias protagonistas do negócio continuam provocando muita polêmica. Como publicou o jornal esportivo “O Jogo”, o empresário de Carrillo, durante uma entrevista recente, garantiu que Bruno de Carvalho sabe perfeitamente porque é que o jogador peruano não renovou com o Sporting e que os sócios do clube deveriam pedir explicações pelo que realmente aconteceu.

Carrillo é um dos jogadores mais promissores do futebol mundial, porém o atacante peruano não joga oficialmente desde setembro do ano passado, não porque o seu técnico não conta com o jogador, mas sim porque Bruno de Carvalho colocou o jovem fora do time, por não querer renovar com o Sporting.

Publicidade
Publicidade

Contudo, a história parece que não é assim tão simples.

Élio Casareto, empresário do Carrillo, que ganhou cerca de dois milhões de euros pela assinatura de Carrilllo com o Benfica para os próximos cinco anos, revelou que o jogador nunca aceitou os termos de pagamento do seu salário que Bruno de Carvalho oferecia. O empresário disse também para a torcida sportinguista questionar o seu presidente acerca da última data que as duas partes negociaram uma possível renovação do craque, adiantando que os portugueses iriam ficar surpreendidos, informando também que, ao contrário do que foi noticiado, Élio Casareto não faltou a nenhuma das reuniões e que apenas ficou calado para não provocar mais polêmica  em volta do caso.

Também Bruno de Carvalho já reagiu à saída do jogador, a custo zero, para o eterno rival Benfica, garantindo que não está preocupado com o que aconteceu e com a traição do jogador ao Sporting.

Publicidade

Assim, o peruano vai ser apresentado como jogador do Benfica, atual campeão português, no próximo dia 1 de julho, data em que o seu contrato com o Sporting termina oficialmente. Porém, nas redes sociais, muitos são os sportinguistas que fazem ameaças ao jovem jogador, garantindo que ele vai ter que ter muito cuidado se quiser sair à rua, principalmente em Lisboa. #Negócios #Futebol Internacional