Bruno de Carvalho vai aproveitar o fato de Carrillo ainda ser jogador do Sporting até ao próximo mês de junho, para manipular e humilhar o futuro atacante do rival. Como divulgou o site “Notícias ao Minuto”, o Presidente do Sporting confirmou que o jogador vai fazer parte dos inscritos para as competições da UEFA, mesmo sabendo que o peruano não joga pelo clube desde setembro. Assim, além do processo avançado contra o jogador, Carrillo pode ter que viver ainda momentos bem complicados no reino do leão.

Conhecido por ter uma personalidade forte, o Presidente do Sporting, que viu os dos seus melhores ativos sair para o clube rival a custo zero, pode muito bem fazer a vida negra a Carrillo, sobretudo depois de tudo o que o jogador fez ao seu atual clube.

Publicidade
Publicidade

Por enquanto, e ao contrário do que se esperava, Carrillo está inscrito nas competições europeias. Mas será o peruano obrigado a jogar pelo clube nos próximos meses?

Depois de várias trocas de palavras acesas entre Bruno de Carvalho e o empresário de Carrillo, como divulgou o jornal “Diário de Notícias”, o Presidente do Sporting pode agora se vingar um pouco de tudo o que aconteceu, obrigando o jogador a se apresentar todos os dias de manhã cedo para os treinamentos, juntamente com os outros seus colegas de time. Além disso, apesar do Presidente ter confessado publicamente que apenas incluiu Carrillo na lista da UEFA porque não era necessário retirar o seu nome, não se sabe ao certo qual é o plano de Bruno de Carvalho.

A verdade é que Carrillo tem treinado completamente sozinho há já vários meses, desde a altura em que o jogador se recusou a assinar o seu contrato de renovação com o clube leonino.

Publicidade

Agora, o Sporting, que já avançou com um processo contra o Benfica e Carrillo, exige muitos milhões pela saída do jogador do clube, algo que vai ser complicado de ser conseguido visto que tanto o rival como o jogador assinaram contrato em uma altura que os regulamentos da UEFA já permitem, visto que Carrillo estava há menos de seis meses de terminar seu contrato profissional. #Europa #Futebol Internacional