Afinal, Carrillo não vai passar umas longas férias no Peru até terminar o seu contrato com o Sporting. Assim como publicou o jornal esportivo “Record”, Bruno de Carvalho e a direção leonina podem mesmo reintegrar o jogador peruano no time do Sporting até 30 de junho. O plano seria obrigar Carrillo a treinar juntamente com os seus colegas, possivelmente até para ser convocado para algum jogo, apenas com o intuito de humilhar o jogador pela traição que cometeu ao clube que confiou nas suas capacidades enquanto ainda era um adolescente.

Ao contrário dos rumores que estavam sendo divulgados pela imprensa internacional, Carrillo não vai ser tratado com um rei no Peru, muito pelo contrário.

Publicidade
Publicidade

Como informa o jornal esportivo “Record”, Carrillo se deslocou a Lisboa para fazer exames médicos de rotina, que todos os jogadores do clube são obrigados a fazer. Contudo, esse seu regresso inesperado ao Sporting pode significar uma coisa: reintegração imediata.

Sabendo que o jogador vai ser do Sporting a custo zero para o grande rival, Benfica, Bruno de Carvalho pode assim ainda se aproveitar do talento de Carrillo para beneficiar de certa forma do contrato que ele ainda tem até ao final de junho de 2016. A reintegração no grupo de trabalho, obrigando o jogador a acordar diariamente bem cedo, pode ser uma das ideias do plano da direção leonina que pode agora aproveitar da melhor forma do jogador que ainda é do clube por mais uns meses.

Nas redes sociais, muitos sportinguistas estão mesmo pedindo à direção leonina para colocarem Carrillo a jogar por breves minutos contra o Benfica, apenas para ele se sentir humilhado no clube que sempre acreditou nas suas capacidades e que agora foi traído pelo ainda jovem jogador peruano.

Publicidade

Ainda assim, não será muito provável que Jorge Jesus aceite colocar Carrillo nos gramados ao serviço do Sporting novamente, visto que o talentoso atacante já não joga uma partida há muitos meses, não tendo assim nenhum ritmo competitivo que possa dar garantias ao seu experiente técnico. #Negócios #Europa #Futebol Internacional