São Paulo e Palmeiras jogam, neste domingo, pelo Campeonato Paulista em situação bastante atípica. Previamente marcado para as 16h, o jogo teve que ser antecipado por conta das manifestações contra o Governo Federal. Portanto, o duelo foi confirmado para as 11h.

As cabeças de ambos os clubes estão voltadas para a Copa Libertadores. O Verdão saiu derrotado para o Nacional no meio de semana e o São Paulo empatou com o River Plate na Argentina. A derrocada verde fez o técnico Marcelo Oliveira ser demitido. Pelos lados do tricolor, o empate deixou gosto de recuperação após sequência de péssimos resultados. 

Comandado por Alberto Valentim, o #Palmeiras terá os retornos de Edu Dracena e Lucas Barrios.

Publicidade
Publicidade

Ambos estavam no Departamento Médico e foram liberados. O lateral Zé Roberto deve ser poupado e não entrará em campo. Agora apenas Moisés e Fellype Gabriel estão entregues aos médicos do clube. A provável escalação do Alviverde será Fernando Prass; Lucas, Edu Dracena (Thiago Martins), Vitor Hugo e Egídio; Thiago Santos, Jean e Robinho; Gabriel Jesus, Dudu e Cristaldo. 

Já Edgardo Bauza, técnico do São Paulo, confirmou que vários atletas serão poupados. No meio da semana que vem o time tem compromisso importante pelo torneio continental: enfrenta o Trujilanos na Venezuela. Rodrigo Caio, que não enfrentou o River, será titular. Kieza também foi relacionado e deve ser titular. O atacante passa por negociação com o Vitória e pode vestir a camisa do time sãopaulino pela última vez. A provável escalação de Bauza: Denis; Caramelo, Rodrigo Caio, Lucão e Carlinhos; Hudson e João Schmidt; Rogério, Daniel e Michel Bastos; Alan Kardec (Calleri).

Publicidade

Corrida e segurança

Neste domingo, no entorno do Pacaembu, também terá uma maratona. Cerca de 4 mil pessoas estarão correndo nas ruas próximas do estádio. A Polícia Militar entende o risco, mas promete melhorar a segurança. Os 1.800 ingressos disponibilizados para a torcida do Palmeiras também já foram comercializados, aumentando ainda mais a preocupação.  #Futebol #Blasting News Brasil