Palmeiras e Rosário Central se enfrentam pela segunda rodada da Copa Libertadores, nesta quinta-feira, no Allianz Parque. A partida pode ser a derradeira do técnico Marcelo Oliveira, que está na berlinda e é muito criticado por diretores e conselheiros do clube. 

Na estreia, o Verdão acabou empatando com o River Plate uruguaio em 2 a 2 fora de casa. Duas vezes na frente, o Alviverde acabou se complicando com falha de marcação dentro da área. 

Após a derrota para a Ferroviária por 2 a 1 no último domingo, o plantel palmeirense teve conversa com a comissão técnica e diretoria. Foi exigida uma recuperação, já que foram feitas várias contratações e os salários estão em dia.

Publicidade
Publicidade

As desculpas chegaram ao fim e o #Palmeiras precisa dar resultado dentro de campo. Para isso, Oliveira deve mudar mais uma vez o esquema tático. 

Praticamente recuperado de lesão na coxa, Lucas Barrios deve ser titular no lugar de Alecsandro. Edu Dracena, em evolução, não deve nem ser relacionado. Roger Carvalho e Vitor Hugo devem continuar no setor defensivo. Uma boa novidade deve ser Cleiton Xavier, que já está treinando com bola e pediu para ficar à disposição. Mas ainda não existe informação se o Departamento Médico vai realmente liberar.

Vitória pode segurar Oliveira

O clima entre Marcelo Oliveira e a diretoria está bom, mas os resultados não estão chegando. Portanto o treinador palmeirense já foi avisado que é preciso melhorar. Se uma vitória não for conquistada amanhã, a demissão passa a ser questão de tempo.

Publicidade

Paulo Nobre, presidente do clube, anda muito pressionado por diretores e conselheiros que pedem a cabeça do treinador. A justificativa é a falta de padrão de jogo e a perda do comando da equipe. 

Se cair, quem assume?

Existe uma ala dentro do Palmeiras que torce pela efetivação de Alberto Valentim, assistente técnico da comissão fixa do clube. Outros pedem a negociação com Cuca, que acabou de deixar o #Futebol chinês. Cuca também é especulado no Fluminense. O time carioca está sem técnico após resultados ruins no Carioca.  #Copa Libertadores 2016