O Esporte Interativo anunciou a assinatura de contrato com o Ceará para a transmissão de seus jogos na Série A do #Campeonato Brasileiro de 2019 a 2024. Atualmente na Série B, tanto o clube quanto a emissora do Grupo Turner esperam que até o início do contrato a equipe já tenha conseguido seu acesso para a série A. A equipe cearense se junta a Atlético PR e Santos ambos da Série A e Bahia, da Série B, que assinaram contrato com a transmissora americana nos últimos dias.

O presidente do Conselho Deliberativo do Ceará comemorou o novo contrato e comentou “Tudo é conversado com muita clareza e seriedade, de forma que a realidade financeira do clube seja sempre compartilhada com todo o grupo que dirige o Ceará”.

Publicidade
Publicidade

As questões em aberto são: como ficará a transmissão dos jogos deste clube por TV aberta? a TV Globo, que é detentora destes direitos, fará algum tipo de retaliação com estes clubes? o mercado se adaptará a este novo formato? O #Futebol brasileiro ainda discutirá muito esta nova realidade nos próximos anos e muitas mudanças ainda devem acontecer em um futuro próximo.

O Esporte Interativo terá folego para fechar com mais clubes e enfrentar a poderosa TV Globo? E o que os clubes pretendem ao fechar estes novos acordos? Apenas um aumento de ganho financeiro, ou haverá alguma outra ação juntamente com o canal? E, por outro lado, como ficam os patrocinadores destas equipes, uma vez que sabemos que a audiência do EI ainda não se aproxima dos canais Sportv; e se a TVGlobo optar por diminuir as transmissões em canal aberto por causa destes contratos, a audiência, e consequentemente, o valor comercial das propriedades destes clubes cairá significativamente.

Publicidade

Será que os clubes e seus conselhos deliberativos fizeram um estudo minucioso de mercado para decidir pela assinatura ou foram apenas convencidos pelo canto de sereia dos valores de luvas (pagas antecipadamente)?

São tantas questões e tantos fatores que merecem uma discussão e um estudo mais aprofundado por todos.

Outras Notícias

Corinthians e Palmeiras se destacam no ranking de sócios, Inter logo atrás.

Última semi que Inter alcançou em torneios nacionais foi em 2009.