Marco Silva, poucos minutos depois de ter sido campeão na Grécia, foi muito claro quanto ao seu futuro: “quero ser campeão em Portugal, é o sonho de qualquer técnico português”. Tal como garante o site “Notícias ao Minuto”, Marco Silva tenciona mesmo regressar a Portugal, sendo que tenta ignorar ao máximo falar sobre o seu antigo clube, o Sporting. Demonstrando uma clara vontade em regressar, o universo benfiquistas rapidamente garantiu que, caso Rui Vitória falhe, o talentoso técnico seria mais que bem-vindo para ser campeão pelo rival do Sporting.

Foi há menos de um ano em que Bruno de Carvalho e Marco Silva protagonizaram uma das rescisões de contrato mais insólitas do futebol português.

Publicidade
Publicidade

Apesar dos bons resultados e da conquista da Taça de Portugal, o segundo título mais importante do futebol português, a má relação entre ambos fez com que o treinador fosse despedido, apesar de ter demonstrado ao longo do ano ser um grande técnico de futebol.

Agora, após provar toda a sua qualidade com o Olimpiakos, que foi recentemente confirmado como o novo campeão grego, o técnico português foi claro ao garantir que tenciona voltar a Portugal quando tiver oportunidade, apesar de estar obviamente muito feliz na Grécia. Segundo informa o site “Notícias ao Minuto”, Marco Silva foi questionado pela imprensa se gostaria que o Sporting fosse campeão em Portugal, fugindo rapidamente ao tema, algo que prova bem que Marco Silva não gosta da direção do seu antigo clube e não tem receio de demonstrar isso mesmo publicamente.

Publicidade

Por isso mesmo, e tal como muitos benfiquistas desejam em um futuro próximo, Marco Silva muito possivelmente só regressaria a Portugal para treinar o Benfica, visto que a sua relação com Bruno de Carvalho continua sendo péssima, ainda sem se perceber muito bem porquê. Caso se confirme a contratação do treinador para o Benfica, esse negócio representaria uma enorme traição por parte do técnico português, que muito provavelmente tenciona demonstrar uma vez por todas todo seu potencial em Portugal e ser finalmente campeão, algo que Bruno de Carvalho nunca conseguiu garantir, apesar dos bons resultados. #Negócios #Futebol Internacional