Foi revelada hoje, 20, pelas mãos de Messi, Busquets, Iniesta, Mascherano, do técnico Luís Enrique e dirigentes blaugranas, uma maquete de 70 quilos detalhando o novo Camp Nou, antigo sonho de sócios e torcedores do Barcelona. Os destaques da reforma serão a cobertura e a ampliação da capacidade, que passará dos atuais 99.354 para 105 mil lugares.

No entanto, o presidente do clube, Josep Maria Bartomeu, adiantou durante a apresentação que será preciso esperar um pouco mais para ver o sonho concretizado.

Publicidade
Publicidade

Obras, só quando as finanças permitirem. "Temos tempo e estamos convencidos de que a dívida do clube já estará abaixo dos 200 milhões de euros quando o projeto estiver pronto. Não começaremos a construção sem atingir este objetivo", disse o mandatário.

Bartomeu revela ainda que já trabalha por um patrocinador que batize o novo estádio. A venda dos direitos de nomes é considerada fundamental para viabilizar o projeto, orçado em 600 milhões de euros e assinado pelos escritórios Nikken Sekkei + Pascual i Ausió Arquitectes. A ideia é realizar toda a reforma sem prejudicar os jogos realizados no estádio.

Com a ampliação do número de assentos, o Nou Camp Nou, como é chamado em catalão, promete mais conforto aos sócios do clube.

Publicidade

Outra melhoria será a diminuição da conhecida lista de espera por ingressos, uma vez que o número de associados com direito aos bilhetes supera a capacidade do estádio.

Uma cobertura de 47 mil metros quadrados vai oferecer maior controle climático e a desejada proteção da chuva e dos ventos. Quatro telões LED de alta resolução serão instalados. Novas áreas de circulação com escadas rolantes e elevadores vão integrar melhor os níveis. Em cada nível a circulação horizontal vai permitir uma visão panorâmica em 360º, tanto do interior do estádio quanto da cidade de Barcelona.

Tiki Taka garantido

O estilo de jogo do Barça de posse e toque de bola e as exibições de Messi, SuárezNeymar e companhia vão acontecer sobre um campo ainda melhor, com grama híbrida e o aperfeiçoamento do sistema de ventilação natural. As novas instalações incluem ainda novos camarotes e outros setores de hospitalidade, restaurantes, lojas, o museu oficial e a promessa de um espaço dedicado à memória do holandês Johan Cruyff, lendário ex-jogador e treinador do clube, que morreu no mês passado. A audiência global que acompanha os jogos no Camp Nou também terá uma melhor experiência com as câmeras de transmissão mais próximas do gramado.

Confira o vídeo oficial divulgado pelo Barcelona:

#Futebol Internacional #FC Barcelona #Lionel Messi