O Palmeiras recebeu o Corinthians nesse domingo (3), em jogo válido pelo Campeonato Paulista, no Pacaembu, e não fez feio. Em jogo pegado e de muitas faltas, o clube alviverde conseguiu vencer os visitantes por 1 a 0 com gol de Dudu, já na segunda etapa da partida e quebrou um jejum de mais de 20 anos sem conseguir vencer o Timão, no estádio do Pacaembu.

MORTE ANTES DO JOGO

O clássico tinha tudo para ser mais um grande espetáculo, o Corinthians com seu bom futebol e o #Palmeiras embalado da última vitória, mas fora do estádio as coisas foram bem diferentes, pois as duas torcidas organizadas acabaram se encontrando e iniciaram uma briga.

Publicidade
Publicidade

Um senhor, que nem estava envolvido com o jogo (não torcia para nenhum dos dois times), acabou sendo alvejado no coração e morreu ainda no local. O confronto aconteceu na entrada da estação de São Miguel. Na estação de Brás, outro conflito, ocasionando a depredação do trem e trazendo prejuízos que ainda não foram calculados.

COMO FOI EM CAMPO

Se fora do estádio as torcidas fizeram feio, dentro foi um grande jogo. O clássico começou pegado e com muitas faltas. Os mandantes pressionavam muito os visitantes que tinham como grande destaque o goleiro Cássio, que fez três grandes milagres na partida. A equipe Alviverde atacava, mas não era eficaz nas finalizações, já o timão, seguia discreto e parecia mais interessado em um possível empate. Mas foi na segunda etapa que surgiu a principal chance do #Corinthians, um pênalti, cometido pelo zagueiro palmeirense, podia colocar a equipe de Itaquera na frente.

Publicidade

De um lado Lucca, do outro, Fernando Prass, carrasco do Timão em pênaltis. Lucca partiu para a cobrança e desperdiçou, linda defesa de F. Prass. E a reação alviverde não demorou muito e, logo em seguida, o pequeno Dudu marca de cabeça e abre o placar para o Palmeiras.

FIM DO JEJUM PALMEIRENSE

Com esse gol, Dudu pôs fim a um grande jejum da equipe alviverde no Pacaembu, pois a última vitória do verdão nesse solo foi 20 anos atrás.

INÍCIO DO JEJUM ALVINEGRO 

Se, por um lado, o Palmeiras encerra um jejum, pelo outro, o Corinthians inicia. Um deles é o de pênaltis, pois esse já é o terceiro consecutivo que o timão perde. Contra a Ponte Preta foram dois seguidos, e hoje contra o Palmeiras. Se o assunto envolve Fernando Prass, o pesadelo aumenta, pois o goleiro é o responsável pela eliminação do equipe de Itaquera, em 2015, na disputa de pênaltis. O outro jejum é quando se trata de vitórias em cima do rival de palestra, já que a última foi no início de 2015, em jogo válido pelo Paulistão daquele ano. #Futebol