O antigo vice-presidente do Sporting, Carlos Barbosa, garantiu que Jorge Jesus já não liga nenhuma ao seu presidente Bruno de Carvalho e que apenas o cumprimenta para ser educado, sobretudo depois dos jogos. Em entrevista à “Rádio Renascença”, o antigo dirigente leonino não tem problemas nenhum em contar que é evidente o sacrifício que Jesus faz para conviver com Bruno de Carvalho, sendo que o presidente do Sporting é o completo oposto do que Luís Filipe Vieira sempre foi para Jesus. Por isso mesmo, cada vez mais são os rumores que asseguram que Jesus está muito próximo de sair do Sporting, principalmente se não for campeão.

Depois de, nos primeiros meses da temporada, Jesus e Bruno de Carvalho se terem tornado rapidamente bons amigos, a verdade é que as constantes desilusões nas últimas semanas têm feito com que o seu relacionamento rapidamente se desvaneça, aumentando assim as revelações de antigos dirigentes leoninos apontando vários episódios que provam o relacionamento péssimo que duas das maiores personalidades do futebol português têm entre si.

Publicidade
Publicidade

“Jorge Jesus não morre de amores por Bruno de Carvalho, basta ver no final dos jogos que ele não passa cartão a Bruno de Carvalho”, garantiu Carlos Barbosa durante uma entrevista polêmica à “Rádio Renascença”, onde também falou das várias mentiras que Bruno de Carvalho tem dito nos últimos tempos, sobretudo quando assegura que a atualidade financeira do clube está estável e que não há perigos para o futuro, bem como outros problemas relacionados com casos que estão em tribunal.

Assim, a possibilidade de Jorge Jesus sair do Sporting, também por causa do elevado salário que aufere, o maior da história do futebol português, é cada vez maior e também está sendo muito apoiada por um número grande de sportinguistas, que está farto que o seu técnico desrespeite publicamente o Sporting, principalmente durante as colectivas de imprensa e nas suas saídas informais, tal e qual como aconteceu recentemente durante uma ida ao torneio de tênis Estoril Open, onde cumprimentou o Carrillo, um jogador que vai para o rival Benfica.

Publicidade

#Negócios #Futebol Internacional