Destaque do #Flamengo na vitória por 2 a 1 sobre a Ponte Preta no último domingo (29), em Campinas, pela 4ª rodada do #Campeonato Brasileiro, o goleiro Alex Muralha recebeu o carinho da torcida nas redes sociais. O perfil 'Muralha Saves' foi criado para homenagear o atleta com montagens em cenas inusitadas. Na partida, o jogador foi ovacionado pela torcida no final do duelo e agradeceu:

"Satisfação muito grande. Sou grato a isso. Todo mundo está de parabéns. Agora é descansar que logo tem outra batalha. Todo mundo ajudou. Todo mundo se dispôs a correr em prol de um objetivo. Conversamos que precisávamos nos entregar um pouco mais".

Publicidade
Publicidade

Mineiro de Três Corações, Muralha chamou a atenção de diversos clubes devido as boas atuações que fez com a camisa do Figueirense no Campeonato Brasileiro de 2015. Ainda em dezembro do ano passado, o atleta acertou a transferência para o Flamengo. A equipe do Rio de Janeiro teria desembolsado cerca de R$ 4 milhões, de acordo com o jornal “Lance!”, para adquirir os direitos de Alex.

Alex Muralha teve uma viagem longa até chegar ao Rio de Janeiro, em janeiro. Na realidade, o trajeto entre Florianópolis e o Rio de Janeiro poderia durar menos de duas horas, caso o percurso fosse feito de avião. Mas o goleiro inovou e resolveu viajar de carro. No total, foram cerca de 12 horas de viagem e mais de mil quilômetros percorridos. Ao longo da viagem, uma parada para descanso em Taubaté, no interior de São Paulo.

Publicidade

Muralha veio sozinho e o percurso, no total, teve 1.137 quilômetros.

Na época, o empresário explicou o motivo pelo qual o goleiro resolveu viajar de carro de Florianópolis para o Rio de Janeiro: "Ele quer fazer isso para poder ficar com o carro logo no Rio". A longa viagem de carro para o Rio de Janeiro deixou claro que Alex Muralha tem um gosto grande por carros. Um bom exemplo disso é que o goleiro possuiu um Opala antigo que foi todo remodelado e hoje é uma das paixões do atleta. O veículo é laranja e possui duas listras pretas na parte de cima, além de a roda roxa. Como se trata de um automóvel de "estimação", o goleiro preferiu que ele fosse de cegonha para o Rio e chegou depois dele. #Futebol