Em jogo bastante movimentado, o Fluminense e o Ferroviária empataram por 3 a 3, pela Copa do Brasil, nesta quarta-feira(4), no estádio da Fonte Luminosa, em Araraquara. O Fluzão saiu na frente com dois gols de Fred, que não marcava gol a 10 jogos. Luan e Thiago Mendes viraram o jogo para o Ferroviária, mas Magno Alves empatou o jogo. O jogo de volta será no dia 12 de maio em Volta Redonda. O #Fluminense poderá empatar por até 2 a 2 para se classificar, já o Ferroviária precisa vencer ou empatar a partir de 4 a 4. Em caso de um novo 3 a 3, a vaga será decidida nos pênaltis.

O jogo

O primeiro tempo foi bastante movimentado.

Publicidade
Publicidade

O Fluminense teve dificuldades nos minutos iniciais, mas não demorou muito tempo para abrir o placar. Aos 15 minutos, Osvaldo tentou cruzamento na área, mas a bola bateu na mão de Thallyson, e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança de pênalti, Fred bateu com categoria e mandou a bola para a rede. O Fluzão ampliou o placar aos 29 minutos com Fred novamente, Scarpa cruzou na medida e centroavante, de peito, completou para o gol. Um minuto depois, após bobeada da defesa, o goleiro Rodolfo saiu da área e fez falta forte em Pierre. Mas o lance prosseguiu e Marcão salvou duas vezes em cima da linha no mesmo lance. Aos 34 minutos, o Fluzão quase fez o terceiro. Scarpa cobrou falta e a bola bateu no travessão. A  partir daí a Ferroviária começou sua reação.

Aos 39 minutos, Alex Silva chegou pela direita e tentou o cruzamento.

Publicidade

A bola bateu no braço de Wellington Silva e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança de pênalti, Thallyson bateu no canto esquerdo, mas mandou para fora. Três minutos depois, Luan se antecipou à marcação e desviou para diminuir o jogo. O gol de empate saiu nos acréscimos, Wescley fez boa jogada pela esquerda e bateu para o gol, Cavalieri fez a defesa, mas no rebote Thiago Marques empurrou a bola para as redes.

No segundo tempo a Ferroviária virou o jogo aos 5 minutos, Thiago Marques ganhou na força de Henrique, deixou Gum no chão e bateu cruzado, no ângulo, marcando um golaço. A Ferroviária, com um jogador a menos, controlava bem o jogo, o Fluminense não conseguia criar chances de gol. Até que aos 30 minutos, Wellington Silva recebeu na esquerda e cruzou na área, Magno Alves subiu mais alto que todo mundo, e cabeceou para empatar a partida para o Fluzão. #Copa do Brasil #PaixãoPorFutebol