O craque da Vecchia Signora, Paolo Dybala, é mais um astro a ficar de fora das Olimpíadas Rio 2016. Entretanto, diferentemente de diversos atletas, não foi o zika, uma lesão ou a não qualificação de seu país para os Jogos. O motivo de Dybala ficar de fora das Olimpíadas foi o veto da Juventus – clube pelo qual o craque argentino joga. Segundo afirmaram os superiores da direção da equipe de Turim, o atleta não viajará para os Jogos, preservando uma de suas estrelas (vencedor do Scudetto e da Copa da Itália, a dobradinha italiana) para as competições do próximo ano.

Em entrevista realizada após a vitória por 1 a 0 sobre o Milan, pela final da Copa da Itália, Paolo Dybala usou a palavra “decepcionante” para definir a situação, e completou noticiando para o público de que não faria parte da delegação que iria compor a Seleção Olímpica Argentina sub-23 de #Futebol durante os Jogos Rio 2016.

Publicidade
Publicidade

Entretanto, o atleta não criticou a direção e se mostrou conformado com a situação, apenas ressaltando o fato de que a direção não o liberou para a competição olímpica, em tom ameno.

O motivo de permissão da Juventus em vetar ou não a participação de atletas nos Jogos Olímpicos, deve-se ao fato de a competição não fazer parte do calendário oficial de Jogos Internacionais, possibilitando que o clube permita ou não a ida do atleta para defender sua seleção. Dybala, de 22 anos, é atleta de idade olímpica (sub-23), e, além de receber o veto da Juventus, também soube que recebeu veto do técnico da Seleção Argentina, Tata Martino, que não o convocou para a Copa América Centenária, que será realizada nos Estados Unidos, no próximo mês de junho. O jogador se mostrou conformado e elogiou os companheiros convocados para a Copa.

Publicidade

Autor de 19 gols no Campeonato Italiano, o jogador foi o vice-artilheiro da competição, atrás apenas do compatriota Higuaín, autor de 36 tentos na competição. Nem mesmo o protagonismo de Dybala ao longo de 2015/2016 encantou Tata Martino, que optou por Ezequiel Lavezzi, que, atualmente, joga no futebol chinês. #Rio2016 #PaixãoPorFutebol