O #Flamengo terá um desfalque importante para o duelo contra o #Grêmio, no próximo domingo, às 16h, na Arena. O técnico Muricy Ramalho teve um quadro de arritmia cardíaca no início dessa semana e teve que ser internado em São Paulo para avaliar melhor a extensão do problema. Ele já está se recuperando, mas segue sem uma previsão exata de quando poderá voltar ao trabalho.

O fato é que ele não integrará a delegação rubro-negra que viajará ao Rio Grande do Sul, onde fará diante do Grêmio a sua segunda partida no #Campeonato Brasileiro de 2016. A tendência é que Jayme de Almeida, auxiliar permanente do clube, siga no comando da equipe na beira do gramado.

Publicidade
Publicidade

Nesta quarta-feira, foi Jayme quem comandou o clube na pesada derrota diante do Fortaleza pela Copa do Brasil. Pela primeira vez em toda a história, o Flamengo foi eliminado na segunda fase do torneio. Jogando em Volta Redonda, o Urubu voltou a atuar mal e perdeu por 2x1 – mesmo placar da derrota sofrida no jogo de ida em Fortaleza.

Crise

A crise, por óbvio, começa a rondar o clube. Essa foi a terceira eliminação da equipe na temporada de 2016. Antes disso, havia caído nas semifinais da Primeira Liga e também do Campeonato Carioca, que acabou vencido pelo rival Vasco da Gama.

No Brasileirão, no entanto, o início foi animador. O Flamengo começou com o pé direito no sábado passado ao vencer por 1x0 o Sport Recife, em jogo realizado no Rio de Janeiro. Uma nova derrota, dessa vez no Rio Grande do Sul, poderá abreviar mudanças no futebol do Fla.

Publicidade