O colombiano Yerry Mina fez história no #Futebol do seu país. O reconhecimento máximo aconteceu neste domingo, quando o Independiente Santa Fé venceu o Once Caldas por 2 a 0 e avançou para a próxima fase do Nacional. Além do resultado, muito comemorado pelos torcedores, Mina foi muito ovacionado. 

Pelo Santa Fé, o zagueiro fez 123 jogos e marcou 12 gols. Além disso levou três títulos importantes e teve um bom desempenho em todos, sendo titular. O jogador deve chegar ao Palmeiras somente no final de junho. Antes disso vai disputar a Copa América com a Colômbia no lugar de Murillo, que foi cortado. 

No clube paulista já é quase certo que Mina será titular absoluto, principalmente após a falha de Thiago Martins no clássico contra o São Paulo, neste domingo, no Morumbi.

Publicidade
Publicidade

O Verdão fará de tudo para blindar o jogador, mas a saída do time titular é apenas questão de tempo. Mina chegará sem entrosamento, mas estará com ritmo de jogo e deve contar com o apoio de Cuca. 

Mudança no time

A derrota para o rival deixou Cuca 'encucado'. Com Dudu fazendo papel de articulador, o treinador pretende fazer uma mudança séria na equipe. Sem Gabriel Jesus, que provavelmente vai defender a seleção brasileira na Copa América, Moisés deve ser o meia de criação, deixando Dudu no ataque. Cuca disse que essa seria a formação contra o São Paulo, mas o meio-campista não teria condições de jogar os 90 minutos consecutivos do clássico. 

Sem Cleiton

Cuca já sabe que não terá Cleiton Xavier todos os jogos. Na próxima quinta, contra o Grêmio no Pacaembu, é bem provável que o atleta também não jogue.

Publicidade

Ele foi poupado do jogo deste domingo como forma de prevenção. Oficialmente, Xavier não tem nenhum tipo de lesão ou problema muscular. Moisés então deve assumir a vaga 'dupla'.

Crítica pública

Após o apito final, Cuca disse que Dudu não conseguiu desempenhar seu papel. Ao saber das palavras do treinador, o jogador rebateu e se defendeu. De acordo com Dudu, o Verdão jogou bem no primeiro tempo e criou várias oportunidades. No segundo, também. Então o resultado foi injusto e desmerecido. 

Na reapresentação, ambos devem conversar e alinhar as expectativas.  #Palmeiras #PaixãoPorFutebol