O Brasileirão vai começar no próximo sábado. A bola rola às 16h, quando Flamengo e Sport, e, Palmeiras e Atlético Paranaense vão abrir a primeira rodada. A partir daí, até o dia quatro de dezembro, o Brasil vai suspirar #Futebol. A não ser que não goste de futebol você testemunhará as rodinhas de amigos na segunda-feira as rivalidades e a zoeira nas redes sociais.E se tem uma coisa que brasileiro adora é palpitar, e o futebol é um prato cheio. Afinal são os vinte maiores clubes do país disputando a taça mais cobiçada do futebol nacional. Quem são os favoritos no #Campeonato Brasileiro 2016? Quem serão os primeiros colocados após a desafiante maratona de 38 jogos.

Publicidade
Publicidade

Atlético Mineiro

Manteve a boa base do ano passado e tem jogadores decisivos. O vice-campeonato de 2015 fez o Galo investir e trazer Robinho, incluído num bom elenco que tem nomes importantes como Lucas Pratto, Dátolo e Rafael Carioca, além do goleiraço Victor. O comando é de Diego Aguirre, filosofia uruguaia que pode alçar o Atlético ao título.

Corinthians

O atual campeão tem um bom elenco e a força da Arena Corinthians, fundamental na campanha do ano passado. As decepções no Campeonato Paulista e na Copa Libertadores podem ter ajudado a tornar o time mais "cascudo". O 'Timão' terá de trabalhar para afinar a equipe com o Brasileirão já em andamento. Exatamente como aconteceu no ano passado.

Palmeiras

O Verdão investe alto e lucra bem com o Allianz Parque. Só que a nova arena palmeirense não ajudou muito no ano passado.

Publicidade

Foram dez jogos sem vitória alviverde. Seis derrotas e quatro empates. Cuca é um treinador competente, que sabe montar times. Mas terá de lidar com o intempestivo torcedor palmeirense e o clima político em constante efervescência.

São Paulo

No ano passado o Tricolor tinha Alexandre Pato, grande responsável pela campanha do quarto lugar e da volta à Libertadores. Neste ano tem Calleri, o artilheiro que não deve ficar até o fim do Brasileiro. Neste ano, também, o São Paulo avançou até as quartas de final da Copa Libertadores. Apesar das tempestades políticas, o clube manteve uma base e tem condições de brigar pelo título.

Santos

O sétimo lugar do ano passado ainda está longe do que o Peixe quer. Se mantiver Ricardo Oliveira, Lucas Lima, Thiago Maia e Gabriel "Gabigol", vai brigar novamente na parte de cima da tabela. Campeão Paulista e contando com a força da pressão da Vila Belmiro, o Santos pode surpreender.

Aproveite para comentar, deixe sua opinião. Não somos 200 milhões de técnicos? #PaixãoPorFutebol