Em casa, a equipe do Oklahoma City Thunder bateu o time do San Antorio Spurs e fechou a série em 4 a 2, garantindo uma vaga na final da conferência Oeste. Agora, a equipe liderada por Kevin Durant e Russel Westbrook enfrentará o Golden State Warrios do MVP Stephen Curry.

Os visitantes começaram melhor e abriram 16 a 10, mas depois disso só deu Oklahoma, que fechou o primeiro período vencendo por 25 a 19.

No segundo período, a equipe de Oklahoma continuou em cima dos Spurs, com um excelente aproveitamento ofensivo e abusando das bolas de 3 pontos com Andre Roberson e Russel Westbrook. Já os visitantes não conseguiam encaixar seu jogo, graças a um ótimo trabalho defensivo exercido pela equipe de Oklahoma e muitos erros nos arremessos de quadra.

Publicidade
Publicidade

O Oklahoma fechou o segundo período vencendo por 55 a 31.

No terceiro período, os Spurs voltaram para o tudo ou nada, precisando reduzir a vantagem da equipe de Oklahoma. O time foi para cima, melhorou seu desempenho ofensivo e acertou sua primeira bola de três com Danny Green. Não foi o suficiente, o Thunder não estava a fim de deixar a classificação para a final ir para o último jogo da série e manteve o ritmo, não deixando os Spurs encostarem no placar. O terceiro período terminou com 91 a 65 para a equipe de Oklahoma.

O último período começou com os Spurs precisando tirar uma vantagem de 26 pontos no placar, e começaram a dar sinais de reação. O time, comandado pelo técnico Gregg Popovich e a lenda dos Spurs e da #NBA, Tim Duncan, fazendo seu melhor jogo da série e talvez o último de sua brilhante carreira, reduziu a diferença para 17 pontos (94 a 77) a 7m49s para o fim do jogo.

Publicidade

Foi quando o técnico do Thunder pediu tempo, tentando frear a reação dos Spurs, o que não adiantou muito. Os Spurs continuaram sua reação e reduziram a diferença para 13 pontos (97 a 84), obrigando mais uma vez o técnico Billy Donovan a parar o jogo a 5m49s do fim.

Na volta, o astro Kevin Durant faz uma enterrada sensacional, mas Thunder ainda permitiu que os rivais tirassem ainda mais a diferença, que caiu para 11 pontos. Quando o jogo caminhava para um final dramático, em que Tim Ducan teve a chance de diminuir ainda mais a diferença, Serge Ibaka apareceu e deu um toco incrível no astro dos Spurs, que originou um contra ataque para mais uma enterrada de Kelvin Durant. Com o jogo em 101 a 88 e a 3 minutos do fim, a equipe de Oklahoma voltou a administrar o jogo e mais uma bola de 3 pontos de Russel Westbrook deu tranquilidade ao Thunder para conduzir o jogo até o final sem grandes sustos.

DESTAQUES

Oklahoma City Thunder

Kevin Durant: 37 pontos, nove rebotes.

Russel Westbrook: 28 pontos, 12 assistências.

Steve Adams: 15 pontos, 11 rebotes Andre Roberson: 14 pontos, sete rebotes. 

San Antonio Spurs

Tim Duncan: 19 pontos, cinco rebotes.

LaMarcus Aldridge: 18 pontos, 14 rebotes.

Kawhi Leonard: 22 pontos, nove rebotes, cinco assistências. #Resenha Esportiva #Basquete