Apesar de preterido por seu antigo treinador, Hélio dos Anjos, quando ainda estava no Goiás, o atacante Erik Lima, de 21 anos, chegou ao #Palmeiras com status de craque. Contratado por Alexandre Mattos em dezembro de 2015, o jogador do empresário Eduardo Uram fez o time do Parque Antarctica desembolsar quase R$ 13 milhões por sua compra.

O alto valor até se justificava, naquela época, pelos números do atleta, revelação do Campeonato Brasileiro de 2014 pelo Goiás, time que o alçou ao estrelato no mundo do #Futebol e no qual chegou quando tinha apenas 11 anos de idade.

Atuando sempre em categorias de base acima de sua idade, Erik foi destaque em todas elas e participou, no início de 2013, da Copa São Paulo de Futebol Júnior, sagrando-se como artilheiro do torneio ao anotar 8 gols durante a disputa.

Publicidade
Publicidade

Em razão da brilhante fase, a diretoria do Goiás decidiu promover o jogador ao elenco profissional e, então, Erik competiu no Campeonato Goiano 2013.

No ano seguinte, no confronto entre Goiás e Clube Atlético Paranaense pelo Campeonato Brasileiro, o atacante foi o autor dos três gols que deu a vitória ao clube do Centro-Oeste sobre o Furacão e colocou fim à uma sequência de seis derrotas seguidas sofridas pelo Verdão goiano.

Mas em 2015 tudo mudou; Erik passou a ter um rendimento pífio e ainda se viu com problemas de relacionamento com seus companheiros, tendo trocado, inclusive, farpas públicas na imprensa goiana com o treinador Hélio dos Anjos. Ele chegou a ser anunciado como reforço do Fenerbahçe, da Turquia, mas o clube turco desmentiu a informação, dada pela diretoria do Goiás, alegando que não havia celebrado acordo algum para a contratação do jogador.

Publicidade

Eis que o ano de 2015 termina e o Goiás acaba rebaixado para a Série B depois de três anos do seu retorno à elite do futebol brasileiro. Erik então revela à diretoria esmeraldina que não pretende ficar no clube e no dia 23 de dezembro é anunciado como reforço do Palmeiras para cinco temporadas.

No Verdão, Erik estreou sob o comando do ex-treinador Marcelo Oliveira, na partida contra o time paraguaio Libertad, na pré-temporada que o Palmeiras jogou pela Copa Antel, Torneio de Verão disputado no Uruguai. O Palmeiras venceu seu primeiro jogo no ano, por 2 a 0.

Mas o atacante não conquistou o antigo e nem o atual técnico palmeirense, Cuca, e deve ser negociado no processo de redução do elenco promovido pelo treinador, embora Eduardo Uram tenha bancado Erik no Palmeiras, em declaração feita neste mês de maio.

O destino do atleta deve ser a Europa. Os clubes portugueses Benfica e FC Porto desejam contar com o atacante, segundo o site lusitano "ABola". Já o site italiano "TG Gialloblu" diz que o destino do palmeirense deve ser o Chievo.

No Palmeiras, o protocolo é mantido e a diretoria não fala sobre negociações. #PaixãoPorFutebol