O Benfica vai vender Gonçalo Guedes ao Atlético de Madrid por 20 milhões de euros. Tal como informa o jornal “Record”, apesar da proposta ser bem abaixo do valor da cláusula de rescisão do jovem português, a verdade é que Guedes não tem jogado no time principal do Benfica há já várias semanas, sendo que essa oportunidade pode ser única para o clube português conseguir fazer um grande negócio com um dos seus mais jovens jogadores.

Apesar da mudança de política de contratações do Benfica na presente temporada ter sido muito drástica, levando mesmo à saída de Jorge Jesus, a verdade é que acabou sendo a mais acertada quer em termos financeiros, mas também esportivos.

Publicidade
Publicidade

Com a enorme aposta nos seus jogadores jovens da formação, o Benfica não só conseguiu a liderança do Campeonato Português, mas também pelo menos dois grandes #Negócios para os próximos meses: 50 milhões por Renato Sanches e agora 20 milhões por Gonçalo Guedes, duas verbas que podem ser cruciais para as contas do clube e que chocam os clubes rivais.

Tal como informa o jornal “Record”, o Atlético de Madrid, desde o jogo que Guedes fez contra o time na Liga dos Campeões, onde o jogador acabou marcando o gol decisivo da partida, o seu técnico tem demonstrado uma enorme vontade de contar com o jovem, mesmo depois de ele ter perdido o seu espaço no time titular do Benfica. A mesma publicação garante que essa não é a primeira proposta que o Atlético fez pelo jogador, tendo o Benfica recusado a primeira em janeiro, sendo que os 20 milhões agora oferecidos serão suficientes para convencer o clube.

Publicidade

Assim, e com essas duas vendas confirmadas, apenas precisando serem oficializadas, o Benfica pode continuar seu investimento na contratação de jovens promissores para o seu time, mesmo que eles estejam sendo disputados por outros gigantes europeus. Na verdade, nas últimas semanas o Benfica tem conseguido fazer frente a propostas do Real Madrid e outros grandes clubes por vários jogadores, algo que era impensável há cerca de um ano, dada as enormes despesas que o time tinha. #Futebol Internacional #PaixãoPorFutebol