Uma das esperanças de medalha nas Olimpíadas Rio 2016, a seleção brasileira feminina de handebol parte para a Europa, o centro mundial da modalidade, e inicia a fase final de treinamentos. Entre os dias 26 de maio e 10 de junho, a equipe olímpica, formada por 20 atletas, realizará treinos na Áustria e jogos amistosos na Eslováquia e Dinamarca.

Comandada pelo técnico dinamarquês Morten Soubak, a seleção brasileira surpreendeu o mundo em 2013 ao conquistar o campeonato mundial, na Sérvia, vencendo as anfitriãs, na final, por 22 x 20.  O time terminou a competição invicto e, no jogo decisivo, superou uma plateia fanática, formada por 20 mil sérvios, a chamada “maré vermelha”.  Naquele torneio, a armadora Eduarda Amorim, a Duda, foi escolhida como MVP (jogadora mais valiosa), e o Brasil também tinha outra atleta estrelada: a ponta Alexandra Nascimento, eleita a melhor do mundo em 2013.

Publicidade
Publicidade

 A conquista foi a primeira de uma seleção das Américas e a segunda de equipe não europeia (a outra foi a Coreia do Sul, em 1995). Na última competição, em 2015, a Noruega se sagrou campeã.

Para as Olimpíadas Rio 2016, as chaves já foram definidas. Na primeira fase do torneio, no grupo A, o Brasil terá Romênia, Espanha, Angola, Montenegro e a atual campeã mundial e bicampeã olímpica Noruega como adversários.  Caso avance para as quartas de final, a seleção nacional enfrentará os vencedores do grupo B, composto por França, Suécia, Coreia do Sul, Rússia, Holanda e Argentina.

Após a turnê europeia, o grupo fará o período de treinamento final, já no Brasil, nos meses de junho e julho.

Das 20 convocadas para essa fase, 15 jogam em clubes europeus e apenas cinco atuam no Brasil. Para a Rio 2016, o grupo escolhido terá 14 atletas.

Publicidade

As jogadoras chamadas para os treinos na Europa são:

Goleiras – Babi, Jéssica e Mayssa

Armadoras – Deonise, Eduarda Amorim, Jaqueline e Juliana

Centrais - Ana Paula, Deborah, Francielle e Mayara 

Pontas - Alexandra Nascimento, Célia, Fernanda, Jéssica, Larissa e Samira 

Pivôs - Dani Piedade, Fabiana e Tamires #Rio2016