Andreas Iniesta, esse é o nome do cara da partida entre Espanha e Turquia, em jogo válido pela segunda rodada da #Eurocopa 2016. Campeão de tudo com a Fúria e Barcelona, já ganhou tudo que tinha para ganhar como jogador profissional. Uefa Champions League, Eurocopa, Copa do Mundo, Mundial de Clubes, Campeonato Espanhol e Liga espanhola. Esses são alguns dos títulos que integram o currículo de Iniesta, principal responsável pelo bom futebol espanhol, autor do gol da final da Copa do Mundo de 2010, na África, que deu o título inédito de campeão do mundo para a Espanha em cima da Holanda.

Com um futebol de pura maestria, com passes precisos, servindo o companheiro e os deixando na cara do gol, essas e muitas outras qualidades futebolísticas fazem parte da vida do craque espanhol.

Publicidade
Publicidade

Com 32 anos de idade, Iniesta segue apresentando um futebol mais do que convincente, na posição de meia, o atleta desempenha uma função de suma importância: servir os companheiros e desequilibrando as defesas adversárias. O craque estreou no Barcelona em 2002, clube no qual no qual permanece até então, e foi no gigante da Catalunha que o atleta ganhou tudo, desde campeonato espanhol até o mundial de clubes da Fifa.

No jogo de hoje (17), o craque encarou a Turquia de Arda Turan, atual companheiro de clube no Barcelona. E logo cedo a Fúria tratou de cercar os turcos no campo defensivo. A marcação era forte por parte dos espanhóis, que dominavam a partida até então. O time de Vicente Del Bosque seguia impondo seu ritmo na partida, não queriam repetir aquele placar magro da partida anterior, o gol era só questão de tempo.

Publicidade

Em jogada na lateral esquerda, Nolito cruzou para Morata abrir o marcador, gol da Espanha aos 34 do primeiro tempo. Iniesta e companhia continuaram, o jogo era dos espanhóis. O segundo gol não demorou muito para sair, e dois minutos depois, em falha do defensor turco, Nolito marca o segundo gol da partida, 2 a 0 para a Espanha. O bom futebol reinava. O atual campeão europeu jogava como todos estamos acostumados, esqueçam aquela Espanha de 2014, eliminada na fase de grupos da Copa do Mundo no Brasil.

No segundo tempo, impondo o mesmo domínio, a Fúria ampliou o placar. Com jogada de Iniesta partindo do meio, a bola é lançada entre a defesa turca, Alba recebe em posição duvidosa, toca para Morata que marca seu segundo gol e o terceiro da Espanha.

VEJA OS GOLS DA PARTIDA:

#Euro2016 #Futebol Internacional