No domingo, a partir das 16h (de Brasília), na Arena das Dunas, em Natal, Flamengo e Fluminense se enfrentam. Além de ser um dos confrontos da 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, estarão atingindo outra marca relevante: depois quase 30 anos, o "clássico mais charmoso do futebol nacional" voltará a ser realizado em uma cidade da região Nordeste.

A última vez foi no dia 18 de outubro de 1995. Naquele ano, os rivais se enfrentaram pelo segundo turno do Brasileirão, no estádio Amigão, em Campina Grande, na Paraíba. Segundo informação oficial, mais de 22 mil pessoas pagaram para ver o "ataque dos sonhos" rubro-negro, formado por Sávio, Romário e Edmundo contra o Tricolor, que, pouco tempo antes, havia levantado o Estadual, derrotando, curiosamente, a própria equipe da Gávea, no famoso "gol de barriga" de Renato Gaúcho.

Publicidade
Publicidade

No entanto, por conta de lesão, o astro daquele elenco da agremiação das Laranjeiras não esteve em campo.

Somado ao próprio histórico, aquele duelo tinha outro fator especial. Naquele ano, o #Fluminense ainda não havia sido derrotado pelo adversário. Nos quatro jogos anteriores, houve um empate e três vitórias do então time dirigido por Joel Santana. Por conta disso, o #Flamengo até teve mais posse de bola, mas esbarrou no forte esquema defensivo do Tricolor, que apostou nos contra-ataques para alcançar mais um triunfo em cima o arquirrival. Diante disso, as chances de gol foram raras e, para frustração do público presente, o 0 a 0 permaneceu inalterado até o fim.

A dupla Fla-Flu teve rendimentos distintos no Brasileiro de 1995. Enquanto, o Rubro-Negro quase amargou um inédito rebaixamento, o Tricolor chegou até as semifinais, quando foi eliminado pelo Santos, que, posteriormente, seria vice do Botafogo, do artilheiro Túlio Maravilha.

Publicidade

Durante os mais de cem anos de rivalidade, Flamengo e Fluminense, além de Campina Grande, se enfrentaram em outras quatro cidades nordestinas: Aracaju, Recife, Fortaleza e Salvador. O retrospecto desses cinco jogos mostra um equilíbrio: cada um venceu uma partida e aconteceram três empates. #PaixãoPorFutebol