No ano passado, em uma das competições dos mundiais de atletismo na China, o tempo necessário para levar a medalha de ouro nas provas de corrida foi de apenas um segundo. E essa é uma das razões que geram grandes expectativas para o velocista campeão Usain Bolt, que venceu o concorrente norte-americano, Justin Gatlin, por chegar 1 centésimo de segundo a frente dele.

Por esses e outros motivos é que os jogos Rio 2016 prometem ser uma das competições de velocidade mais emocionantes desta temporada, e talvez até mesmo dos próximos anos.

De um lado, o gigante Usain Bolt, apelidado como o grande “filho do vento”, um corredor que quebrou por mais de cinco vezes o seu próprio recorde, chega neste ano para se firmar como o atleta mais veloz do mundo nas provas de 100, 200 e 400 metros, e também para competir com o time olímpico jamaicano nas provas de revezamento de 100 x 4 e 200 x 4.

Publicidade
Publicidade

Do outro lado, o veterano Justin Gatlin, que ficou quatro anos fora das competições, e neste ano completa 16 anos de carreira internacional. Segundo os peritos em atletismo, Gatlin é um dos raros esportistas que quanto mais velho fica, mais rápido se torna, chegando muito próximo da marca de Usain Bolt. E ele, que já vislumbra a sua aposentadoria, deseja antes disso ficar no alto do pódio dos jogos Rio 2016. Por isso, chegou dois meses antes na cidade carioca para se preparar e conhecer a pista.

O atleta, em seus discursos para a impressa, afirma que está preparado para competir e chegar no topo com a melhor forma possível, em busca da medalha de ouro. As provas serão realizadas no estádio olímpico, que segundo o Comitê Olímpico Internacional, conta com uma das melhores pistas do mundo.

Falta pouco para acompanhar as Olimpíadas e para conferir a modalidade de Bolt, uma das rainhas do atletismo.

Publicidade

Além da estrela da velocidade, medalhistas prestigiados também competirão com o jamaicano. Esperamos boas provas e grandes destaques nos jogos que vão agitar o Rio de Janeiro entre os meses de agosto e setembro. #Rio2016