A seleção brasileira vem colecionando vexames a cada competição. A mais recente foi ser eliminada na primeira fase da #Copa América Centenário, nos Estados Unidos. A derrota aconteceu neste domingo (12), em Boston. O placar de 1 a 0 para a seleção do Peru, veio depois de um gol de mão de Ruidíaz. O árbitro validou o gol da seleção peruana, deixando a #Seleção Brasileira em terceiro lugar no Grupo B.

O técnico da seleção brasileira, Dunga, reclamou do gol irregular durante a entrevista coletiva. O Brasil ficou prejudicado pelo erro da arbitragem, porém, a administração de fora do campo não tem sido das melhores. A consequência disso é o fiasco que é mostrado nas competições.

Publicidade
Publicidade

Alguns dirigentes da CBF recomendaram ao presidente que trocasse o técnico da seleção por Tite (técnico do Corinthias), devido à má campanha que a seleção vem apresentando durante as eliminatórias para a Copa de Mundo de 2018. Dunga insiste que o time só poderá se reerguer de tantos vexames se houver uma continuidade dos trabalhos. “Nós elogiamos um trabalho de 14 anos da Alemanha, mas queremos que no Brasil se encontre a solução de uma hora para outra", declarou.

Mesmo sendo pressionado com as cobranças, Dunga diz não estar preocupado em perder o cargo e que a única coisa que tem medo é da morte.

O jogo

No primeiro tempo, a seleção se mostrou superior, mas com dificuldades de ataque. O time não precisou ficar alarmado com lances do adversário, mas também não encontrou o caminho do gol.

Publicidade

No segundo tempo, o time não conseguiu manter a mesma performance, teve dificuldades com a saída de bola e o jogo não fluía de maneira favorável.

A situação da seleção, que já estava com dificuldades,  ficou ainda pior com o erro da arbitragem, validando o gol de mão de Ruidíaz, mesmo com toda tecnologia disponível para verificação dos lances. E, com isso, o Peru abriu o placar de 1 a 0 contra o Brasil.

O resultado foi a eliminação da seleção brasileira em mais uma competição internacional. A esperança é que o time consiga se encontrar para que os jogos olímpicos também não tenham um fim trágico.