Após o encerramento de mais um final de semana com outra rodada do Brasileirão, inúmeras queixas contra erros de arbitragem foram registradas. Esta situação tem se tornado rotina no #Futebol brasileiro. Nos últimos dias, inclusive, alguns presidentes de clube chegaram a fazer manifestações públicas junto à CBF, sentindo-se prejudicados pelas fracas atuações dos árbitros. No entanto, tudo indica que este problema está perto de ter uma solução, se não definitiva, pelo menos com uma acentuada melhora. Pelo menos é o que garante o presidente da Comissão de Arbitragem da CBF, Sérgio Corrêa. 

Corrêa afirmou que a entidade máxima do futebol brasileiro está prestes a realizar os primeiros testes com a tecnologia de vídeo para partidas da Série A do #Campeonato Brasileiro.

Publicidade
Publicidade

De acordo com ele, este sistema será testado ainda neste ano na forma offline, ou seja, sem a comunicação com o árbitro que está em campo. Corrêa informou ainda que esta tecnologia será disponibilizada primeiramente em partidas realizadas no Sul do Brasil para posteriormente ser estendida aos outros estados da Federação. Um calendário de jogos da Série A onde serão aplicados estes experimentos já foi montado pela CBF. 

O presidente da Comissão de Arbitragem também aproveitou a oportunidade para se pronunciar a respeito do momento vivido pela arbitragem brasileira. Segundo Sérgio Corrêa, existem árbitros que estão "se achando" e por conta disto prometeu realizar uma grande renovação no quadro de colaboradores da Confederação Brasileira de Futebol.

Corrêa comentou também que existem profissionais de arbitragem que se consideram mais importantes do que os próprios jogadores que, embora sejam poucos, serão notificados e orientatdos.

Publicidade

Caso a conversa não surta efeito e estes árbitros não consigam se adaptar aos padrões, serão substituídos, pois há uma série de jovens que estão sendo preparados para atuar em jogos do Campeonato Brasileiro. Sérgio Corrêa revelou que pretende promover a maior renovação no quadro de árbitros do quadro da CBF dos últimos 20 anos.  #Resenha Esportiva