O mal momento atravessado pelo futebol brasileiro, sentido pela torcida desde a derrota por 7 a 1 para a Alemanha durante a copa de 2014, acaba de ter reflexos sobre o prestígio do time fora de campo. A Fifa divulgou hoje (14) seu novo ranking de seleções, e as notícias não são boas para a Confederação Brasileira de Futebol. O Brasil caiu duas posições no ranking e agora é apenas o nono colocado da tabela. A queda pode ter reflexos na Copa do Mundo de Futebol da Fifa em 2018. O ranking é utilizado para definir os cabeças-de-chave de cada grupo no campeonato. Como são oito grupos, e a seleção da Rússia, anfitriã do torneio, será a cabeça-de-chave do grupo A, apenas as sete melhores seleções do ranking encabeçarão os demais grupos.

Publicidade
Publicidade

Se a copa começasse hoje o Brasil estaria fora da elite e, consequentemente, teria de enfrentar um time mais forte já na primeira fase. Os sete melhores do ranking atualmente são Argentina, Bélgica, Colômbia, Alemanha, Chile, Portugal e França. Estes dois últimos, inclusive, são os responsáveis pela derrocada da seleção canarinho, graças a suas performances na Eurocopa 2016, encerrada no último final de semana. Com o inédito título europeu, Portugal avançou duas posições no ranking. Já a França, vice-campeã da competição, disparou, saltando da 17ª colocação para a 7ª.

Também pesaram para o rebaixamento do Brasil a derrota da seleção para o Peru e o empate com o Equador na Copa América Centenário, realizada mês passado nos Estados Unidos. Nem a goleada de 7 a 1 sobre o Haiti salvou o país. 

Esta é a pior posição do Brasil no ranking desde o ano de 2013, quando venceu a Copa das Confederações realizada no País.

Publicidade

Na ocasião a seleção alcançou a 10ª posição e foi subindo no ranking até o mês de março deste ano, quando chegou ao 6º lugar. Desde então entrou em queda livre, colecionando resultados ruins sob o comando do ex-técnico Dunga.

O ranking também trouxe resultados ruins para o Uruguai, que, a exemplo do Brasil, foi eliminado da Copa América na primeira fase, e para a Áustria, que despencou 11 posições. Os uruguaios estão agora na 12ª posição e os austríacos na 21ª.  #PaixãoPorFutebol