Não é segredo para ninguém, até mesmo àqueles que não gostam de futebol, que o craque português Cristiano Ronaldo é uma figura midiática. Não só pelo talento nos gramados, mas também pelo assédio que o camisa sete sofre com as mulheres. Sua vida é recheada de títulos pelos clubes que passou. CR7 já foi eleito o melhor jogador do mundo por três oportunidades. E, após levar o Real Madrid, clube em que atua, a mais um título europeu e a seleção de Portugal à final da Eurocopa, ambos em 2016, o atleta tem a chance de levantar mais uma bola de ouro.

Mas o que poucas pessoas sabem é que #Cristiano Ronaldo já precisou sofrer uma intervenção cirúrgica no coração.

Publicidade
Publicidade

Aos 5 anos de idade, sentiu-se mal numa partida em que atuava pelo Sporting de Lisboa, sua primeira equipe, em um torneio de categoria de base. Após alguns exames, revelou-se um problema no miocárdio do atleta, que lhe provocava picos elevados em seu batimento cardíaco. Ronaldo teve de ser submetido a uma cirurgia a laser para corrigir tal problema.

Após o susto, o promissor atleta voltou normalmente aos gramados. Mas começava aí uma grande preocupação e que segue até os dias de hoje: o cuidado com o corpo. Cristiano Ronaldo é conhecido no mundo do futebol como um verdadeiro narcisista. Sempre que pode, observa os telões dos estádios para rever os lances em que participou, por exemplo. Tudo para certificar-se que o seu visual está de acordo.

Mas o que mais chama a atenção é sua preocupação com o físico.

Publicidade

Tirar a camisa nos gramados é sempre uma probabilidade por parte do craque. Os espanhóis afirmam que CR7 faz, em média, 3 mil abdominais por dia após o treino do Real Madrid. Ele mesmo já compartilhou alguns vídeos em redes sociais ensinando o filho a fazer abdominais e dizendo para o garoto que ele tem que ser forte igual ao pai.

Outra paixão do jogador são os carros. Possui uma frota valiosa de 21 automóveis em sua garagem. Segundo o respeitado jornal italiano Gazzeta dello Sport, os carros custariam juntos o equivalente a R$ 16 milhões. E só de seguro ele pagaria em torno de R$ 400 mil. A frota possui 3 Ferraris e 3 Porches. Além de outras máquinas como Audi, Lamborghini e Bugatti.

Mas o jogador também tem seu lado caridoso. Já dividiu a cama com um companheiro de clube, para que o amigo não fosse dispensado pelo sua primeira equipe, o Sporting. E hoje é embaixador da ONG Save the Children, que luta contra a fome e a pobreza das crianças pelo mundo. #Curiosidades #Eurocopa 2016