O #Cruzeiro entrou em campo mais uma vez pressionado, necessitando muito de uma vitória no campeonato brasileiro para respirar na competição e talvez ganhar confiança para almejar algo mais importante no campeonato. As coisas não deram certo, o time viajou ao Rio de Janeiro para enfrentar o Fluminense, mas perdeu mais uma vez. O placar foi de 2x0 para o time da casa, que fez uma partida razoavelmente tranquila sem correr grandes riscos no confronto.

Os gols da equipe da casa foram marcados ainda no primeiro tempo de partida, o que deu ao time muita tranquilidade para trabalhar a bola e segurar o resultado. Com mais essa vitória, o treinador Levir Culpi poderá respirar aliviado se livrando de parte da pressão que vinha sofrendo pelos resultados abaixo do esperado pelos torcedores e pela direção do clube carioca.

Publicidade
Publicidade

Paulo Bento (Treinador do Cruzeiro) terá que trabalhar forte não apenas com o #Futebol do time mineiro, mas também com o psicológico dos atletas que não se mostram motivados dentro das partidas da raposa.

O Cruzeiro contou com todos os seus reforços mais recentes: Edimar, Rafael Sóbis, Ábila, Rafinha e até mesmo Ezequiel, recém-contratado em negociação com o Criciúma. Mesmo com todos eles em campo, o time se mostrou mal entrosado e sem vontade e organização tática suficiente para vencer o confronto com a equipe carioca.

O próximo compromisso do Cruzeiro será pela Copa do Brasil. O time mineiro venceu o Vitória na primeira partida pelo placar de 2x1 jogando no estádio Barradão (Casa do Vitória). Agora a segunda partida será no Mineirão (Casa do Cruzeiro), em Belo Horizonte. Com o resultado do primeiro confronto, o time do Cruzeiro poderá segurar um empate em campo ou até mesmo perder pelo placar de 1x0 que mesmo assim seguirá vivo na competição nacional.

Publicidade

Com a campanha ruim da raposa no #Campeonato Brasileiro, os olhos dos torcedores se voltam para a Copa do Brasil, visto que o título da competição credência o campeão a disputa da próxima Copa Bridgestone Libertadores da América.

E você torcedor, satisfeito com o trabalho de Paulo Bento no Cruzeiro? Deixe sua opinião nos comentários.