Cardozo foi um dos grandes artilheiros da história do Benfica, porém o paraguaio está muito interessado em rumar ao rival Sporting. Tal como informa o jornal “A Bola”, Jesus convenceu Bruno de Carvalho de que Cardozo poderia ser o sucessor ideal de Slimani, visto que acredita que o jogador, de 33 anos, ainda tem todas as qualidades que fez com que ele fosse um grande atacante pelo Benfica no passado. Com uma relação de amor e ódio, Jesus acredita que pode fazer com que Cardozo seja novamente uma estrela no campeonato português.

Apesar de ser uma escolha surpreendente, Jesus está convencido que Cardozo pode ser a solução para a maior parte dos problemas no ataque sportinguista para a próxima temporada.

Publicidade
Publicidade

A sua vontade de contar com o artilheiro é tanta que o Sporting, sabendo que pode contratar o jogador a custo zero, não perdeu tempo para iniciar as negociações com o empresário do atacante.

Como informa o jornal “A Bola”, o negócio estará praticamente concluído graças à enorme vontade de Cardozo em regressar a Portugal, onde poderá jogar novamente a Liga dos Campeões. Para isso, o atacante até está disposto a reduzir significativamente o seu salário, sabendo que essa pode ser uma das suas últimas grandes oportunidades de se assumir como um dos melhores artilheiros que atuam nas Ligas europeias. Mas será que Jesus vai conseguir “ressuscitar” um jogador de 33 anos que, quando saiu do Benfica, já não marcava gols como antigamente?

A verdade é que Jesus acredita que Cardozo, apesar da sua idade, ainda não perdeu nenhuma das suas qualidades enquanto artilheiro de elite, contando assim com a enorme vontade do jogador para conseguir fazer com que ele seja uma peça importante no plantel da próxima temporada.

Publicidade

Nas redes sociais, muitos benfiquistas garantem estar em choque com a notícia de Cardozo praticamente certo no rival, afirmando que isso seria uma enorme traição para todos os sócios, que sempre apoiaram Cardozo, mesmo quando ele estava claramente fora de forma, nos seus últimos anos em Portugal. #Negócios #Resenha Esportiva #PaixãoPorFutebol