Nos últimos meses, o #Fluminense mostrou força no mercado e apresentou um pacote de seis contratações. Para o meio, chegaram Danilinho (ex-Atlético-MG), Marquinho (campeão brasileiro pelo próprio Tricolor em 2010 e que volta depois de seis temporadas no #Futebol do exterior [Itália e Arábia Saudita]), o argentino Claudio Aquino (ex-Independiente) e o paraguaio Alexis Rojas, revelação do Sportivo Luqueño, agremiação daquele país.

Os atacantes Wellington (formado nas categorias de base do time carioca e, há seis anos, na Inglaterra) e Henrique Dourado (ex-Palmeiras e Cruzeiro) completam a lista de novidades. No entanto, segundo o diretor-executivo de futebol da agremiação das Laranjeiras, novos reforços não estão descartados.

Publicidade
Publicidade

"O Fluminense está sempre atento ao mercado. Se surgir uma boa oportunidade, vamos trazer. Ainda mais que a janela de saída ainda está aberta. Queremos jogador que venha para jogar, não só para agregar", garantiu, em entrevista concedida na última segunda, o dirigente, assegurando também que um futuro investimento seria em jogadores capazes de assumir a titularidade.

"No primeiro momento, fizemos três primeiras contratações (Dudu, William Matheus e Maranhão) para suprir algumas saídas. Agora já trouxemos jogadores que vão buscar a titularidade e nosso pensamento é buscar esse perfil", complementou.

Uma dessas novidades veio já nesta quinta. Depois de uma longa negociação, o meia Junior Sornoza, destaque do Independente Dell Valle, do Equador, atual vice da Taça Libertadores da América, acertou um vínculo de três anos com o Fluminense.

Publicidade

Por conta do fechamento da janela de transferências internacionais no futebol brasileiro, ele só virá para as Laranjeiras em janeiro de 2017. Outro nome falado nos bastidores do clube é o apoiador argentino Jesus Dátolo, formado no Boca Juniors e, desde 2008, atuando no Brasil, primeiramente ao Internacional, antes de seguir para o Atlético-MG, equipe que defende até hoje.

Após garantir vaga nas oitavas-de-final da Copa do Brasil na última quarta (vitória de 2 a 0 sobre o Ypiranga-RS, em Erechim), o Fluminense volta as suas atenções para o Campeonato Brasileiro. Somando 21 pontos e  em 12º lugar na classificação, o Tricolor encara, no domingo, às 11h (de Brasília), a Ponte Preta, no estádio Giulite Coutinho, em Édson Passos, distrito de Mesquita, região metropolitana do Rio de Janeiro. #PaixãoPorFutebol