O zagueiro da seleção brasileira e do PSG da França, Marquinhos, pode virar o pivô de uma briga da CBF contra o clube francês.

Convocado para disputar os Jogos Olímpicos com a seleção brasileira no Rio de Janeiro, Marquinhos já havia conversado com o clube a respeito e não ouviu nenhuma negativa. Porém, agora com a confirmação da convocação, o clube anunciou, através de um comunicado enviado à CBF, que não está disposto a liberar o atleta para as Olimpíadas.

Marquinhos confessa não entender os motivos do clube e aguarda a decisão final sem se envolver no caso. Segundo pessoas próximas do jogador, ele estaria disposto a bater de frente com o PSG, para defender a camisa da amarelinha.

Publicidade
Publicidade

O empresário do atleta Giuliano Bertolucci, viaja para Paris nesta semana para iniciar as conversas com o clube francês, enquanto Marquinhos segue curtindo sua lua de mel. O zagueiro se casou na semana passada com a cantora Carol Cabrino e está em Trancoso na Bahia, antes de seguir para as Ilhas Maldivas, em continuação com as comemorações do casamento.

O atleta disputou a Copa América Centenário no mês de junho e não imaginava que encontraria problemas em fazer parte do elenco para as Olimpíadas, já que havia informado ao PSG seu desejo de disputar o ouro inédito para o Brasil.

O pai de Marquinhos, Marcos Barros acredita que, conversando o clube, pode liberar o garoto que está na equipe há três anos e jamais teve problemas extra-campo. 

O zagueiro não é o único atleta a ter trabalho para conseguir a liberação.

Publicidade

O craque Neymar precisou negociar com o Barcelona antes da Copa América para decidir qual das duas competições disputaria. O clube espanhol, na época, avisou que não liberaria o atleta para os dois campeonatos, em comum acordo, acabaram optando por Neymar disputar apenas os Jogos Olímpicos de 2016. 

Douglas Costa, do Bayern de Munique, também lutou para conseguir acordo com o clube alemão. Fora da Copa América com uma lesão na coxa, o atacante chegou a pensar que seu clube daria o veto para sua participação, o que não ocorreu e o jogador estará à disposição de Rogério Micale, nos jogos do Rio, em agosto. #Futebol #Rio2016