Na segunda-feira (18), em entrevista à Rádio Cadena Uno, da Argentina, Edgardo Bauza revelou que seria difícil permanecer no São Paulo se o clube não contratasse os reforços, que ele próprio pediu, para as disputas do restante da temporada na Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro.

Na terça-feira, a diretoria tricolor anunciou as contratações do lateral-direito Bufarini e do atacante Andrés Chávez, além de, anteriormente, já ter acertado com os zagueiros Douglas e Maicon, este segundo assinou com o clube paulista após o fim do seu empréstimo pelo FC Porto; com o meia Cueva, que não jogou a semifinal da Copa Libertadores da América por ter participado das quartas de final desta edição do torneio pelo Toluca-MEX e com o atacante Gilberto, que chegou do Chicago Fire-EUA.

Publicidade
Publicidade

Ainda assim, o São Paulo não conseguiu atender à todas as solicitações de seu treinador que acabou ficando sem o atacante argentino Milton Caraglio, do mexicano Tijuana. Porém, reforçou com qualidade o elenco do exigente técnico.

Mas, se a esperança dos são-paulinos na permanência de Edgardo Bauza no comando do tricolor paulista estava só nas contratações, uma decepção pode estar a caminho.

Na noite desta quinta-feira (21), Patón avisou a diretoria do São Paulo que recebeu um convite para participar de uma reunião na sede da AFA (Associação de #Futebol Argentina) nesta sexta. Após treino realizado durante a manhã, ele viajou para a capital argentina para, provavelmente, ajustar suas críticas à demanda da Associação para que, enfim, possa ser anunciado em breve como substituto de Tata Martino, que renunciou ao cargo após o vice campeonato na Copa América Centenário, vencida pelo Chile.

Publicidade

O cartola são-paulino, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, disse que o clube não vai conseguir impedir a saída de Bauza do comando da equipe paulista por se tratar de seleção, sentimento que tem a ver com patriotismo, honraria e prestígio à carreira do profissional.

Contudo, as atividades do técnico argentino à frente do São Paulo Futebol Clube continuam as mesmas e não haverá alteração alguma até que se confirme sua contratação para treinar a seleção de futebol da Argentina.

No mês de junho, Edgardo Bauza negou que deixaria o tricolor paulista para assumir a seleção de seu país. No entanto, em outras entrevistas, chegou a cogitar a possibilidade caso algumas coisas fossem mudadas na AFA.

Diego Lugano, que também já vestiu a camisa da seleção de seu país, o Uruguai, disse que suas convocações foram as coisas mais importantes de sua carreira e que ele não mediu esforços para estar em campo com a seleção uruguaia. O zagueiro citou, inclusive, que tem ciência de que prejudicou clubes pelos quais jogou por priorizar defender seu país nos gramados.

Publicidade

O São Paulo entra em campo como visitante contra o Grêmio, neste domingo (24), sob o comando de Patón, em partida válida pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro, marcada para às 16 horas no Estádio Olímpico Monumental.

Na 9ª colocação com 22 pontos, o tricolor paulista tem a missão de derrotar os gaúchos, na terceira posição e com 27 pontos, para subir na tabela do nacional. #São Paulo FC #PaixãoPorFutebol