A diretoria do Palmeiras está buscando uma certa 'blindagem' para seu elenco. A intenção é adquirir direitos federativos totais de alguns atletas para tornar o patrimônio alviverde mais forte. 

O #Futebol chinês e europeu chegaram e colocaram o #Palmeiras. Depois de 'depenar' o Corinthians recentemente, o Verdão está sofrendo bastante. Gabriel Jesus, sem sombra de dúvidas, é o atleta mais assediado. A imprensa já citou diversos clubes como Barcelona, Real Madrid, Manchester City, Manchester United, Juventus e Milan como potenciais interessados no futebol do atleta. 

Além de Jesus, Róger Guedes e Vitor Hugo também já receberam proposta.

Publicidade
Publicidade

Todas foram negadas pela diretoria, que visa o título de Campeão Brasileiro. Outro atleta que é especulado no exterior é o atacante Dudu. Mas, para isso, Paulo Nobre, presidente do Palmeiras, tem uma alternativa. Quando foi contratado junto ao Grêmio em 2015, Dudu ainda tinha 50% do passe preso do Dínamo de Kiev (UCR). Com o passar do tempo isso não mudou e o clube paulista quer comprar os outros 50% a fim de ter a totalidade. 

De acordo com o site ESPN, os ucranianos querem 3 milhões de euros (R$ 10,8 milhões) para concretizar o negócio. O Palmeiras vê Dudu como um potencial negócio futuro e não entende que essa quantia seja muito alta. Por isso, o acordo já existe, mas só deve ter o martelo batido em dezembro. 

Ainda, segundo a reportagem, empresários estão autorizados a oferecer Dudu para o futebol do exterior.

Publicidade

Se alguma proposta agradar o atleta, existe a possibilidade de deixar o Palmeiras. Nas entrevistas, Dudu nega qualquer possibilidade. 

Fim de mandato

Em dezembro, Paulo Nobre terá que abandonar a cadeira de presidente no Alviverde. Segundo o estatuto, nenhum presidente pode concorrer à um terceiro mandato. Como já passou por dois, não tem direito a uma nova eleição. 

Segundo informações, Maurício Precivalle, um dos vices de Nobre, deve ser indicado para a cadeira. Se isso de fato ocorrer, a oposição não terá muito o que fazer. Maurício goza de prestígio dentro do clube e não deve ter dificuldades para vencer. O atual presidente, por sua vez, pode trabalhar na gestão como vice.  #Futebol Internacional