O caso do atacante Riascos já virou uma novela. Depois de ter ofendido o #Cruzeiro, chamando a equipe de "m....", o diretor de futebol do clube, Thiago Scuro decidiu pelo afastamento do atleta, que inclusive já treina separado do restante do elenco da raposa. Dizendo que Riascos iria conhecer o lado mais duro da diretoria cruzeirense, Scuro foi enfático ao dizer que o atacante não vestiria mais a camisa celeste, e isso é, provavelmente, o que irá acontecer. Com um clima insustentável na Toca II, Riascos e seu empresário consideram uma única possibilidade: procurar uma novo clube.

Para quem sabe ler, um ponto é uma letra, e quanto o atacante disse: "Tiraram minha felicidade para vir jogar nessa m....

Publicidade
Publicidade

aqui", ficou claríssimo que sua felicidade estava no #Vasco da Gama, e que a diretoria do Cruzeiro o tirou de lá para fazê-lo atuar num ambiente pesado, com um técnico sem nenhuma experiência e que logo depois foi demitido. Certamente, o pensamento do colombiano é o mesmo da grande maioria do elenco do Cruzeiro, a única diferença é que essa maioria é profissional, ética, honesta e respeita a instituição, ao contrário de Riascos, um jogador péssimo tecnicamente, e que só se destaca um solo brasileiro devido à grave crise de qualidade que nosso futebol atravessa.

O Vasco da Gama se aproveita da pressa do Cruzeiro em querer negociar o atleta e já discute, internamente, a melhor maneira de trazer o atleta de volta. É consenso em São Januário de que o Cruzmaltino não poderá fazer loucuras financeiras, até porque já contratou Júnior Dutra e Éderson para o ataque, e por isso exigirá um acordo nos mesmos moldes do anterior, com cada clube (Cruzeiro e Vasco) pegando metade dos salários do atleta.

Publicidade

Entre os torcedores cariocas, o consenso é que, independente de sua qualidade técnica, Riascos virou uma espécie de ídolo, tanto é que no Twitter, a hashtag #VoltaRiascos ficou entre os assuntos mais comentados do país por diversas horas. Talvez pela carência de jogadores habilidosos no setor ofensivo, Riascos possa ser uma boa opção para Jorginho, na disputa da série B. Riascos não está no nível da série A do futebol brasileiro. #Campeonato Brasileiro