Acabou o jejum. Depois de três pratas e dois bronzes, o Brasil, finalmente, conquistou a tão sonhada medalha de ouro no futebol masculino das Olimpíadas. Neste sábado, em um Maracanã lotado, os garotos comandados por Rogério Micale e sob a batuta de Neymar conquistaram o torneio da modalidades na Rio 2016 ao derrotar, nos pênaltis, a Alemanha por 3 a 2, depois de um empate de 1 a 1 no tempo normal.

Com esse feito, o Brasil se torna o país que ganhou mais medalhas no futebol desde quando o esporte foi incluído nos Jogos, em 1908. Ao todo, somando-se os torneios masculinos, foram oito conquistas.

Para surpresa geral, a Alemanha, que veio com um time baseado em revelações, mostrou o porquê de estar na decisão e impôs bastante dificuldades ao Brasil, com direito a três bolas no travessão.

Publicidade
Publicidade

Foi então que surgiu o diferencial. Aos 27 minutos, em falta magistralmente cobrado pelo lado esquerdo, Neymar levou os mais de 70 mil presentes ao delírio: 1 a 0. Na comemoração, o camisa 10 fez uma homenagem ao corredor jamaicano Usain Bolt, que estava presente ao Maracanã, imitando o famoso "raio" do atleta multicampeão olímpico.

A vantagem poderia ter sido maior antes do intervalo se o Brasil não tivesse desperdiçado inúmeros contra-ataques com Gabriel Jesus e Gabriel.

Veio a segunda etapa e o Brasil iniciou meio desconcentrado, permitindo que, aos 14 minutos, depois de bela trama, Meyer recebeu na entrada da área e mandou no canto direito de Weverton, igualando a partida.

A partir desse momento, as duas seleções, mantendo as suas estratégias, continuaram buscando a vitória, tanto durante os 90 minutos quantos os 30 da prorrogação, mas esbarraram na ineficiência de seus sistemas ofensivos.

Publicidade

Dessa forma, a sorte foi decidida nos pênaltis e ela acabou sorrindo para o escrete da casa, que contou com a defesa de Weverton na cobrança de Petersen e a precisão de Neymar ao colocar no ângulo esquerdo, sem chances para o arqueiro Horn.

FICHA TÉCNICA

BRASIL 1x1 ALEMANHA (Nos pênaltis: Brasil 5x4 Alemanha)

Competição: Olimpíadas 2016 (Rio de Janeiro) - Torneio de futebol masculino (decisão).

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ).

Data: 20/08/2016 (sábado).

Horário: 17h30 (de Brasília).

Árbitro: Alireza Faghani (Irã).

Gols: Neymar (27'/1ºT) e Meyer (14'/2ºT).

Pênaltis convertidos: Renato Augusto, Marquinhos, Luan, Rafinha e Neymar (Brasil); Ginter, Gnabry, Brandt e Sule (Alemanha).

Cartões amarelos: Zeca e Gabriel (Brasil); Selke, Prömel, Sven Bender e Suele (Alemanha).

Brasil: Weverton; Zeca, Marquinhos, Rodrigo Caio e Douglas Santos; Walace e Renato Augusto; Gabigol (Felipe Anderson), Luan e Gabriel Jesus (Rafinha); Neymar.

Técnico: Rogério Micale.

Alemanha: Horn; Toljan, Ginter, Süle e Klostermann; Lars Bender (Prömel) e Sven Bender; Brandt, Meyer e Gnabry; Selke (Petersen).

Técnico: Horst Hrubesch. #Rio2016 #Seleção Brasileira #PaixãoPorFutebol