Treinador do São Paulo desde o início do ano, Edgardo Bauza deve realizar o seu grande sonho e assumir a seleção argentina de futebol. A informação foi dada pela repórter Verónica Brunati, do tradicional diário argentino AS. Segundo a publicação da jornalista, Patón Bauza foi escolhido por Armando Pérez, presidente da Associação de Futebol Argentina (AFA), e concorreu com outros dois nomes: Miguel Ángel Russo e Ramón Díaz, ambos sem clube.

Preferência por Bauza

Edgardo Bauza não era unanimidade para assumir a seleção argentina. O diário esportivo Olé realizou enquete em seu site sobre as preferências dos argentinos para o comando da seleção.

Publicidade
Publicidade

Bauza era um dos oito nomes da enquete que recebeu mais de 220 mil votos. O líder na preferência dos argentinos foi Diego Simeone, que recebeu 28% dos votos. Marcelo ‘El Loco’ Bielsa foi votado por 25% do público. Jorge Sampaoli e Marcelo Gallardo apareceram com 10%.

Só então aparece Páton Bauza, com 8% da preferência dos argentinos que votaram na enquete do Olé. A lista é completada por Ramón Díaz, com 7%, Mauricio Pochettino, com 6%, e Antonio Mohamed, com 5%.

Currículo

Ex-jogador do Rosário Central, o treinador Edgardo Bauza tem dois títulos da Copa Libertadores no currículo. O primeiro foi conquistado em 2008, pela LDU, do Equador. A segunda taça continental veio em 2014, pelo San Lorenzo, da Argentina. Bauza chegou ao São Paulo e foi um dos responsáveis por levar um time limitado à semifinal da Copa Libertadores da América, feito que o time tricampeão continental não alcançava desde 2010.

Publicidade

O aproveitamento de 45%, no entanto, causava desconfiança em alguns torcedores, que o acusavam de ser "retranqueiro". Bauza deixa o time na décima posição do Campeonato Brasileiro, com 23 pontos – a dez do líder Corinthians e a cinco da zona de rebaixamento.

Missão

Ao chegar à seleção argentina, Bauza terá uma missão logo em seus primeiros dias: convencer Lionel Messi a retornar depois de o principal astro argentino afirmar que não atuaria mais com a camisa da seleção. #São Paulo FC #PaixãoPorFutebol